Esporte

Guardiola aposta na juventude para levar City ao topo

09/08/2017 12h02

Londres, 9 Ago 2017 (AFP) - Após primeira temporada discreta com o Manchester City, apesar do alto investimento em contratações, o técnico espanhol Pep Guardiola recomeça o ambicioso projeto de conquistar a Europa com o clube inglês apostando na juventude.

As expectativas quando o treinador chegou aos Citizens eram altas. O time queria contar com Pep há tempos, mas a primeira temporada terminou sem conquistas e com um estilo de jogo que não encantou.

O clube inglês volta a competir neste sábado, depois de gastar 221,3 milhões de euros na atual janela de transferências. Desta vez, Guardiola acredita que o time está pronto para objetivos maiores.

"Com todo respeito aos jogadores, na última temporada tínhamos um dos times mais velhos da Premer League. Não contratávamos defensores há cinco ou seis anos", indicou Guardiola.

"Na temporada passada decidimos que podíamos mudar o elenco, rejuvenescê-lo ao longo das próximas quatro ou cinco temporadas", explicou.

"Danilo tem 26 anos; (Benjamin) Mendy, 23; Bernardo (Silva), 22; Ederson, 23. Contratamos jogadores que serão competitivos para as próximas temporadas", acrescentou Pep.

Apesar da falta de resultados, a última temporada apresentou sinais promissores: o time começou a Premier League com 10 vitórias seguidas e também venceu o Barcelona, no Etihad Stadius, pela fase de grupos da Liga dos Campeões.

- Defesa mais forte -No entanto, os sinais positivos não se afirmaram e o time sofreu com oscilações no campeonato. Guardiola pareceu perdido diante da força física do campeonato, chegando a ser ridicularizado após perder por 4 a 2 para o Leicester, por "não ser um treinador para os 'tackles'".

Ainda assim, o City conseguiu se recuperar e terminar a competição na terceira colocação, atrás de Tottenham e do campeão Chelsea. Para isso, Guardiola precisou quebrar a cabeça e organizar uma defesa segura e eficaz.

John Stones, de 23 anos, pareceu sentir a pressão da milionária transferência que o tirou do Everton para defender o City. O jovem zagueiro realizou temporada cheia de erros, alguns decisivos para perda de pontos.

A falta de segurança lá atrás obrigou Guardiola a recuar jogadores com vocação ofensiva, como o brasileiro Fernandinho e o ponta espanhol Jesús Navas. Mas este cenário deve mudar com a chegada de Kyle Walker, Benjamin Mendy e Danilo, pelos quais o clube desembolsou 137 milhões de euros.

- Agüero e Gabriel Jesus -Além disso, Guardiola espera resolver os problemas debaixo das traves com a contratação do goleiro brasileiro Ederson, procedente do Benfica. Na temporada passada, o chileno Claudio Bravo sofreu com o estilo do futebol inglês e perdeu a titularidade na Premier League e na Liga dos Campeões para o argentino Willy Caballero.

Mas Pep não deixou de se preocupar com a criação das jogadas ofensivas. Para isso, contratou o meia português Bernardo Silva, destaque do surpreendente Monaco da última temporada. Ao seu lado, Sergio Agüero, Gabriel Jesús, Leroy Sane, David Silva, Kevin De Bruyne e Raheem Sterling prometem aterrorizar as defesas adversárias.

Nesta renovação, saíram do clube os laterais Pablo Zabaleta, Bacary Sagna e Gael Clichy, Jesús Navas e o atacante Nolito. O goleiro Joe Hart não voltou ao clube e foi emprestado novamente, desta vez para o West Ham.

Além disso, Guardiola experimentou diferentes esquemas táticos, um deles com uma linha de três zagueiros formada por Stones, o argentino Nicolás Otamendi e o capitão belga Vincent Kompany. Esta formação dá a opção do espanhol escalar Agüero o brasileiro Gabriel Jesús juntos, algo que não aconteceu na última temporada.

Mais um ano sem conquistas seria um grande problema para técnico e clube, que começaria a se perguntar se Guardiola é o homem certo para levar o City ao topo da Europa.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo