Esporte

Holandesa Shippers revalida título mundial dos 200 m em Londres

11/08/2017 18h57

Paris, 11 Ago 2017 (AFP) - A holandesa Dafne Shippers conservou seu título de campeã do mundo dos 200 metros, completando a prova com tempo de 22 segundos e 5 centésimos, nesta sexta-feira no estádio Olímpico de Londres.

Schippers, campeã em Pequim-2015 e vice-campeã olímpica nos Jogos do Rio-2016, cruzou a linha de chegada à frente da marfinense Marie-Josée Ta Lou (22.08), que já havia sido prata nos 100 m.

A bahamense Shaunae Miller-Uibo (22.15), favorita ao ouro dos 400 m, na final de quarta-feira, quando terminou na 4ª colocação devido a cãibras, ficou com o bronze.

A prova não contou com a americana Tori Bowie, campeã do mundo dos 100 m, mas que se lesionou ao sofrer queda ao cruzar a linha de chegada.

No salto em distância, a americana Brittney Reese, 30 anos, conquistou seu quarto título mundial ao saltar 7,02 metros.

Reese, vice-campeã olímpica, superou a russa Darya Klishina (7,00 m), que competiu como atleta neutra, e a americana Tianna Bartoletta (6,97 m), atual campeã mundial e olímpica.

Medalhista nos últimos cinco grande eventos que participou, a sérvia Ivana Spanovic, que atrasou sua preparação devido a uma lesão sofrida em junho, terminou ao pé do pódio, a um centímetro do bronze.

Com quatro atletas separadas por apenas seis centímetros, esta foi a prova mais acirrada das últimas 16 edições de Mundiais.

Aos 30 anos, Reese conquistou o ouro pela quarta vez na carreira, após Berlim-2009, Daegu-2011 e Moscou-2013. Em 2012, foi campeã olímpica em Londres.

Ex-jogadora de basquete, Reese conquistou pelo menos um título de uma grande competição a cada ano entre 2009 e 2013, somando disputas indoor e outdoor.

Da pista para o campo do estádio olímpico de Londres: o polonês Pawel Fajdek conquistou seu terceiro título mundial seguido no lançamento do martelo, com um arremesso de 78,81 metros.

A prata ficou com o russo Valeriy Pronkin (78,16), competindo como atleta sem bandeira, enquanto o polonês Wojciech Nowicki (78,03) foi bronze.

Fajdek, 28 anos, já havia se sagrado campeão do mundo em 2013 e 2015, mas, para surpresa geral, falhou em se classificar à final olímpica nos Jogos do Rio-2016.

sc-kn-tba/am

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo