Esporte

Porsche cogita volta à F1 a partir de 2021

05/09/2017 14h03

Berlim, 5 Set 2017 (AFP) - A Porsche não exclui voltar à Fórmula 1 como fornecedora de motores a partir de 2021, afirmou o diretor financeiro da montadora alemã, Lutz Meschke, em entrevista publicada nesta terça-feira pelo site motorsport.com.

"A Fórmula 1 poderia ser um bom lugar para ir", afirmou Meschke. Em julho, a Porshe anunciou oficialmente sua saída da LMP1, principal categoria do Campeonato Mundial de Endurance, para focar na Fórmula Elétrica a partir de 2019-2020.

"Como vocês já sabem, a Fórmula E é muito importante para nós daqui para a frente e a F1 é sempre um ótimo tema a se refletir. Acredito que estamos tendo ótimas conversas a respeito de nosso novo motor", explicou Meschke, após um fim de semana em Monza para negociar com dirigentes da F1, durante o GP da Itália.

A Porsche, porém, não pretende montar sua própria escuderia e sim se tornar uma fornecedora de motores, continuou o dirigente.

Questionado pelo site motorsport.com sobre a possibilidade de desenvolver um motor menos tecnológico e, por consequência, mais barato do que os que atualmente são produzidos na F1, Meschke respondeu: "É isso mesmo. É preciso reduzir os custos na F1 e essa é uma maneira de conseguir isso".

Para a F1, a volta da Porsche é vista com bons olhos, segundo o site especializado.

"Estamos tentando criar uma plataforma e um ambiente no qual mais fornecedoras de motores, mais marcas e equipes se juntem à F1, além de fazer disso uma proposta de negócio atraente", explicou Sean Bratches, diretor comercial da F1.

"A chegada da Porsche, que é uma marca de peso no nosso esporte, seria muito bem vista", completou.

A F1 conta atualmente com quatro fornecedoras de motores, Mercedes, Ferrari, Renault e Honda. Negociações estão abertas para a chegada de novos fornecedores a partir de 2021.

Os últimos sucessos da Porsche na maior categoria do automobilismo aconteceram nos anos 80, quando a montadora alemã fornecia os motores da McLaren. Niki Lauda (1984) e Alain Prost (1985 e 1986) foram campeões do mundo ao volante dos carros McLarren-TAG-Porsche.

cpb-pel/chc/am

LIBERTY MEDIA

FERRARI NV

RENAULT

Porsche

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo