Esporte

Presidente do Bayern dá puxão de orelha em Lewandowski

11/09/2017 14h05

Munique, Alemanha, 11 Set 2017 (AFP) - O presidente do Bayern de Munique chamou a atenção do atacante polonês Robert Lewandowski, depois do artilheiro se mostrar insatisfeito com a movimentação do clube bávaro na janela de transferências.

"Parece que Robert estava irritado pelas transferências que o PSG fez. Mas ele tem um contrato com a gente como jogador e ganha muito dinheiro por isso. Lamento suas declarações", indicou Karl-Heinz Rummenigge em entrevista publicada no jornal Bild nesta segunda-feira.

"Sou um seguidor da democracia e da liberdade de expressão, mas tem gente que procura esse momento para se fazer de esperto em vez de se concentrar no futebol", acrescentou o dirigente.

Em entrevista publicada no jornal Der Spiegel, o polonês avaliou que o clube bávaro deveria investir mais para contratar jogadores da elite mundial, ou corria o risco de ficar à margem dos outros grandes times da Europa, como PSG, Barcelona, Real Madrid ou Manchester United.

"Até agora, o Bayern nunca tinha gastado mais de 40 milhões em um jogador. No futebol internacional, é um valor moderado há bastante tempo", comentou Lewandowski.

Rummenigge acusou o agente Maik Barthel de exercer influência negativa. No ano passado, lamentou que os outros jogadores do Bayern não ajudaram Lewandowski a terminar a Bundesliga como artilheiro.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Esporte

Topo