Esporte

Político russo admite desvio de 730 mil euros em estádio da Copa

09/11/2017 16h55

São Petersburgo, 9 Nov 2017 (AFP) - Um ex-vice-governador de São Petersburgo admitiu ter desviado o equivalente a 730.000 euros durante a construção do novo estádio da cidade, que sediará jogos da Copa do Mundo-2018, anunciou nesta quinta-feira o comitê de investigação russo.

Marat Oganessian, preso em novembro de 2016, "reconheceu seu erro e deu informações detalhadas sobre outros delitos e tomou medidas para reparar os danos causados", explicou o comitê de investigação local, em nota.

Oganessian, vice-governador da ex-capital imperial russa de março de 2013 a abril de 2015, é acusado de ter assinado um contrato ilegal com uma empresa, a TDM, para a instalação de um placar eletrônico no novo estádio de 68.000 lugares.

O político desviou para a conta desta empresa "50,4 milhões de rublos (735.000 euros), que foram por sua vez transferidos a empresas de fachada", completou o comunicado.

Oganessian "sabia que a empresa TDM não tinha condições de gastar esse dinheiro com o placar eletrônico do estádio", garantiu.

O estádio de São Petersburgo foi inaugurado finalmente em início de 2017 e sediou a final da Copa das Confederações, em junho.

O orçamento total do estádio chegou aos 604 milhões de euros, segundo números oficiais. O estádio sediará uma semifinal da Copa do Mundo de 2018.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo