Esporte

IAAF mantém suspensão da Rússia por escândalo de doping

26/11/2017 12h45

Mônaco, 26 Nov 2017 (AFP) - A Federação Internacional de Atletismo (IAAF) manteve a suspensão imposta à Rússia em novembro de 2015, resultado de um sistema de dopagem institucionalizado, anunciou a IAAF neste domingo.

A decisão foi tomada a poucos dias da reunião crucial marcada pela pela comissão executiva do Comitê Olímpico Internacional, entre os dias 5 e 7 de dezembro, que vai decidir a participação ou não da Rússia nos Jogos de Inverno de 2018 em Pyeongchang.

"Algumas das condições para a reabilitação da Rússia foram cumpridas, mas outros critérios ainda não, como a reabilitação da Agência Antidopagem russa como agência antidopagem independente e o reconhecimento pelas autoridades russas das conclusões do Relatório McLaren de um doping institucionalizado. Enquanto não se admita o que aconteceu, não estaremos convencidos de que não voltará a acontecer", declarou Rune Andersen, presidente do grupo independente implantado pela IAAF para verificar os progressos do país na luta contra o doping.

A próxima reunião do Conselho da IAAF não vai ser realizada antes do Mundial-2018 de pista coberta, disputado entre os dias 1 e 4 de março. Os russos não poderão participar desta competição.

O atletismo russo não está presente nas competições desde novembro de 2015. Alguns atletas do país puderam competir sob bandeira neutra, em casos muito específicos. Nos últimos Mundiais, 19 atletas participaram cumprindo uma série de requisitos.

A IAAF abriu a porta aos atletas que pudessem demonstrar que seus métodos de treinamento não estavam relacionados com o sistema de doping generalizado. Um dos critérios é que seu nome não esteja no relatório McLaren.

Também são obrigatórias as reanálises das amostras dos Mundiais de Pequim, em 2015.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo