Topo

Esporte

Chefe do Comitê Olímpico americano entrega cargo após escândalo de abusos

28/02/2018 19h03

Los Angeles, 28 Fev 2018 (AFP) - O chefe do Comitê Olímpico dos Estados Unidos (Usoc), Scott Blackmun, renunciou ao cargo por motivos de saúde, anunciou nesta quarta-feira a entidade.

Blackmun, que precisou enfrentar duras críticas pela forma como lidou com o escândalo de abuso sexual na federação de ginástica, deixa o cargo após oito anos.

O dirigente de 60 anos revelou recentemente que lutava contra um câncer na próstata.

Mais Esporte