Topo

Esporte

Neymar é criticado por foto em cadeira de rodas que homenageia Hawking

14/03/2018 17h40

Rio de Janeiro, 14 Mar 2018 (AFP) - O craque brasileiro Neymar, que se recupera de cirurgia no pé direito, foi alvo de críticas ao compartilhar foto em que posa em sua cadeira de rodas para homenagear o astrofísico britânico Stephen Hawking, falecido nesta quarta-feira após anos combatendo uma doença degenerativa.

"Você tem que ter uma atitude positiva e tirar o melhor da situação na qual se encontra - Stephen Hawking", escreveu Neymar no Twitter, citando uma das frases do cientista que viveu décadas em uma cadeira de rodas.

"Porra, menino Ney... Assim fica difícil te defender", respondeu no Twitter @gustavocdp.

"É o cúmulo do egocentrismo associar a morte de Hawking a uma pessoa. A situação temporária de Neymar em cadeira de rodas é profundamente menos grave que a situação de vida que passou Hawking. Estou certo que Neymar não queria machucar ninguém, mas, por favor...", disse o repórter Grant Wahl, da Sports Illustrated, usando a mesma rede social.

"Com a morte de Stephen Hawking, Neymar é, de fato, o homem em cadeira de rodas mais importante do mundo", ironizou a brasileira Ruth Romcy.

Hawking, considerado o cientista mais popular do mundo, faleceu aos 76 anos na cidade universitária de Cambridge, depois do deterioramento de sua saúde nos últimos meses.

O físico desafiou as previsões dos médicos, que lhe deram uma expectativa de vida de apenas alguns anos depois que ele foi diagnosticado com esclerose lateral amiotrófica (ELA) aos 21 anos, doença que ataca os neurônios responsáveis por controlar os movimentos voluntários e que o deixou em uma cadeira de rodas.

A doença o deixou progressivamente paralisado, ao ponto de conseguir comunicar-se apenas com a ajuda de um computador que interpretava seus gestos faciais.

Mais Esporte