Topo

Esporte

Guardiola admite que temeu ser demitido pelo City na temporada passada

Reuters/Jason Cairnduff
Pep Guardiola, técnico do Manchester City, na partida contra o Basel Imagem: Reuters/Jason Cairnduff

30/03/2018 19h11

Manchester, Reino Unido, 30 Mar 2018 (AFP) - O técnico espanhol Josep Guardiola revelou nesta sexta-feira que teve medo de ser demitido do Manchester City na última temporada, quando a situação era diferente do iminente título da Premier League deste ano.

"Pensei que, se não funcionava, iria para minha casa e alguém me substituiria para fazer do seu jeito. Neste momento, tinha preocupação pelos resultados e por ver o que poderia melhorar", declarou o técnico na véspera do jogo contra o Everton.

Na última temporada, o City caiu por 4 a 0 na visita ao Goodison Park, em janeiro de 2017.

"Neste momento, acreditei que isso (demissão) poderia acontecer. É normal, todos os treinadores pensam nisso quando não vencem", explicou.

A equipe acabou terminando na terceira colocação, a 15 pontos do campeão Chelsea.

Guardiola tem contrato com o Manchester City até 2021 e destacou que na próxima temporada vai estar no cargo.

Já campeão da Copa da Liga inglesa, o City está perto de se sagrar campeão da Premier League. O time tem 16 pontos de vantagem para o Manchester United (2º), na 32ª rodada da competição.

Além disso, a equipe está classificada para enfrentar o Liverpool pelas quartas de final da Liga dos Campeões.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte