Topo

Esporte

Ex-capitão da seleção da Inglaterra, Ray Wilkins morre aos 61 anos

Ben Radford/Getty Images
Ex-jogador atuou pela seleção inglesa entre 1976 e 1986; ao longo da carreira, defendeu clubes como Chelsea, Manchester United, Milan e QPR Imagem: Ben Radford/Getty Images

Da AFP, em Londres

04/04/2018 11h31

Ex-capitão da seleção inglesa de futebol, Ray Wilkins faleceu nesta quarta-feira aos 61 anos, após sofrer um ataque do coração na semana passada, anunciou o Chelsea. O meia teve passagem pelo time londrino e também defendeu Manchester United, Milan e PSG.

"Todas as pessoas ligadas ao Chelsea Football Club estão devastadas após saberem da morte de nosso ex-jogador, capitão e assistente técnico, Ray Wilkins. Descanse em paz, Ray. Vamos sentir profundas saudades", indicou o clube no Twitter.

Wilkins defendeu a Inglaterra em 84 oportunidades, entre 1976 e 1986.

O ex-jogador também foi técnico do Queens Park Rangers, Fulham e da seleção da Jordânia, assim como assistente do brasileiro Luiz Felipe Scolari, do holandês Guus Hiddink e do italiano Carlo Ancelotti no Chelsea.

"Os pensamentos de todos no Manchester United estão com a família, amigos e colegas de nosso antigo meio-campista Ray Wilkins", tuitou o Manchester United.

O Milan também lembrou a morte do jogador. Wilkins defendeu o time entre 1984 e 1987.

"Adeus, Ray. Sentiremos saudades. Esta noite vamos lutar como você nos ensinou. RIP, Ray Wilkins", escreveu a equipe no Twitter.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte