Topo

Esporte


"Disse que era gol, por isso me expulsou", diz Guardiola

10/04/2018 18h38

Manchester, Reino Unido, 10 Abr 2018 (AFP) - "Falei pro árbitro que era gol, por isso me expulsou", indicou Pep Guardiola após receber cartão vermelho no intervalo da partida entre Manchester City e Liverpool, nesta terça-feira, pelo jogo de volta das quartas de final da Liga dos Campeões.

"Falei que era gol quando a bola chegou a Sané, por isso me expulsou. Nesta competição, os times são tão parecidos que a influência das decisões do árbitro são muito importantes. Tentaremos de novo na próxima temporada", disse Guardiola em coletiva de imprensa após a partida que resultou na eliminação dos Citizens.

Depois da anulação de um gol do alemão Leroy Sané por impedimento, o primeiro tempo terminou com uma discussão entre Guardiola e o árbitro espanhol Antonio Mateu Lahoz, que terminou expulsando o compatriota.

No momento da anulação, o City vencia por 1 a 0 e estava a dois gols de igualar a eliminatória.

Com a derrota, o City encerra uma semana sombria após duas derrotas para o Liverpool na Champions (3-0 e 2-1) e uma virada cedida para o rival Manchester United (3-2) após começar vencendo por 2 a 0. Se vencesse o dérbi, o City se sagraria campeão da Premier League.

"Tivemos 10 meses fantásticos. Temos que nos recuperar mentalmente para os seis jogos que restam. Os 10 meses de vitórias são excepcionais. É preciso analisar jogo a jogo", indicou Guardiola.

"Não vai encontrar nenhum time que possa manter o momento durante 11 meses. Dou meu reconhecimento pela atuação contra o United e pelos 45 minutos de hoje. Talvez descubra o truque no futuro", acrescentou.

"Muitas felicidades ao Liverpool. Tomara que possam representar bem a Inglaterra na semifinal", concluiu Guardiola.

Mais Esporte