Topo

Esporte

Cheio de moral, Botafogo encara Audax na estreia na Sul-Americana

11/04/2018 14h00

Santiago, Chile, 11 Abr 2018 (AFP) - O Botafogo, recém-sagrado campeão carioca, dará início à campanha na Copa Sul-Americana nesta quarta-feira no Chile contra o Audax Italiano, uma equipe que passa por momento complicado e aparece na lanterna do Campeonato Chileno.

1. Moral de campeãoO Botafogo cruzará a Cordilheira dias depois de soltar o grito de campeão no Maracanã, onde derrotou o Vasco na final do Campeonato Carioca numa emocionante disputa de pênaltis.

As expectativas aumentaram com o título regional e a Sul-Americana aparece como o torneio mais acessível para o Fogão brigar por outro título nesta temporada. Mas, apesar do momento ruim que atravessa o adversário chileno, o Botafogo prega cautela antes do jogo de dia, em Santiago.

"Vamos tratar o Audax com muito respeito", garantiu o lateral Marcinho em coletiva de imprensa, após assinar a extensão do contrato com o Botafogo.

O título carioca "tem que nos fortalecer. Vamos chegar com humildade para voltar com uma vitória". O jogo de volta será disputado no dia 9 de maio no estádio Nilton Santos.

2. Desfalques de pesoMas o Botafogo também pagou um preço alto pelo esforço realizado na final do Carioca. O atacante Luiz Fernando e o lateral Moisés se machucaram e irão desfalcar o Fogão no Chile. Gilson e Pimpão devem ser os escolhidos pelo técnico Alberto Valentim para compor a equipe titular.

Na zaga, o Botafogo poderá contar com força máxima, inclusive com a presença do herói do título recém-conquistado, o argentino Joel Carli, autor do gol de empate nos acréscimos contra o Vasco que levou a partida aos pênaltis.

3. O fantasma do 'Loco'Do outro lado do campo, o Botafogo encontrará um adversário ferido. O Audax é o último colocado do Campeonato Chileno, com apenas 5 pontos somados em oito jogos e 16 gols sofridos.

Por ironia do destino, um dos nomes de maior peso do elenco do Audax é o atacante uruguaio 'Loco' Abreu, um dos ídolos históricos do Botafogo, mas que, aos 41 anos e em seu 26 clube na carreira, é reserva na equipe chilena.

"Joguei ano passado contra o Loco, ele estava no Bangu, e é muito perigoso. Se entrar no jogo, precisamos ter muito cuidado. Impõe muito respeito", analisou Marcinho ao comentar a presença do ídolo da torcida do Botafogo.

O pontapé inicial da partida está marcado para as 19h30, horário de Brasília, e será apitada pelo trio colombiano formado pelo árbitro Andrés Rojas e os assistentes Wilmar Navarro e Dionisio Ruiz.

Prováveis escalações:

Audax Italiano: Nicolás Peric - Osvaldo Bosso, Fabián Torres, Ricardo Escobar, Nicolás Fernández - Iván Vásquez, Joe Abrigo, Sebastián Díaz, Bryan Carrasco - Renato Tarifeño e Ignacio Jeraldino. T: Hugo Vilches.

Botafogo: Roberto Fernández - Marcinho, Joel Carli, Igor Rabello, Gilson - Fernandes, Marcelo, Renatinho, Leo Valencia, Pimpão y Brenner. T: Alberto Valentim.

Mais Esporte