Topo

Esporte

Países sul-americanos pedem Copa do Mundo de 2022 com 48 equipes

12/04/2018 15h39

Buenos Aires, Argentina, 12 Abr 2018 (AFP) - Os países que integram a Confederação Sul-Americana do Futebol (Conmebol) pediram à Fifa para que a Copa do Mundo do Catar-2022 já seja disputada com 48 equipes, sem esperar até a edição de 2026 para por em prática o novo formato.

"Como nós pensamos grande e porque queremos fazer justiça, quero fazer a entrega de uma carta de solicitação assinada pelos 10 países da Conmebol para que o Mundial de 2022 se jogue com 48 equipes", disse o presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez, ao entregar uma carta com o pedido ao presidente da Fifa, Gianni Infantino.

O pedido foi realizado em Buenos Aires durante o 68º Congresso da Conmebol, com presença dos dez países que integram a entidade continental.

Numa Copa do Mundo disputada com 48 equipes, a América do Sul teria direito a classificar até sete seleções para o torneio, duas a mais que no formato atual com 32 equipes.

Domínguez também aproveitou para fortalecer a candidatura conjunta de Argentina, Paraguai e Uruguai para sede da Copa de 2030, quando se celebrará o centenário do primeiro Mundial, disputado no Uruguai em 1930.

"Nos antecipamos a todos e estamos pedindo que o Mundial volte a sua casa quando a Copa completará 100 anos", declarou Domínguez.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte