Topo

Esporte

Corinthians supera Independiente fora de casa e lidera grupo 7 da Libertadores

18/04/2018 23h55

Avellaneda, Argentina, 19 Abr 2018 (AFP) - Cirúrgico e com sorte, o Corinthians venceu por 1 a 0 na visita ao Independiente, nesta quarta-feira, disparando na liderança do grupo 7 da Libertadores.

O baixinho Jadson, de apenas 1,68m, conseguiu tirar o zero do placar de cabeça para garantir a vitória do Timão, aos 35 minutos do segundo tempo. Os argentinos ainda tiveram o gol de empate mal anulado pela arbitragem no final da partida.

O resultado deixa a chave muito favorável para a classificação corintiana às oitavas de final. O time brasileiro lidera tranquilo com sete pontos, seguido do colombiano Millonarios (4), Independiente (3) e do venezuelano Deportivo Lara (3).

Corinthians e Independiente voltam a se enfrentar na próxima rodada, dia 2 de maio, às 21:45h pelo horário de Brasília. Desta vez, o time argentino vai precisar enfrentar o calor do estádio em Itaquera.

- Contra-ataques -O Timão iniciou a partida sem se preocupar com a posse de bola e controlando as tentativas de ataque do time argentino. A equipe, acostumada a se defender e jogar de maneira reativa, usou a estratégia que consagrou o grupo comandado por Fabio Carille com o título do Brasileirão de 2017.

O primeiro tempo foi muito aberto, com as duas equipes chegando com perigo ao gol adversário. Mesmo jogando em casa, o Independiente também foi efetivo em jogadas de contra-ataque, principal estratégia corintiana.

O Corinthians chegou com muito perigo duas vezes, nas jogadas de lançamentos longos concluídas por Clayson e Romero, aos 26 e 34 minutos, respectivamente. A primeira finalização desviou na zaga, enquanto o chute do paraguaio saiu fraco para a defesa do arqueiro.

Já os argentinos pressionaram os visitantes nos 10 primeiros minutos, chegando com mais clareza pela primeira vez com Silvio Romero, aos 19. Os brasileiros ficaram acuados com as rápidas roubadas de bola da equipe local, que quase saiu na frente após toque de Fagner em direção à própria meta, defendido por Cássio aos 26.

- Por uma bola -Na volta do intervalo, os anfitriões vieram com mudanças buscando mais ofensividade em busca da segunda vitória em casa na competição, decisivas na tentativa de classificação às oitavas de final.

Depois de um primeiro tempo animado, as equipes voltaram para a segunda etapa criando menos chances de gol e mais preocupadas em não deixar espaços para o adversário.

A primeira chance foi argentina, aos 23 minutos, com Meza aproveitando furada da zaga para ficar livre na área e chutar com desvio. A jogada acordou a equipe, que dois minutos depois chegou com perigo com chute de Domingo de fora da área, defendido por Cássio.

O Corinthians controlava a partida defensivamente, "sabendo sofrer" às ofensivas argentinas e esperando uma chanca para marcar. E a chance surgiu após cruzamento de Mateus Vital pelo lado esquerdo, aos 35 minutos, com Jadson se movimentando para cabecear rente à trave e abrir o placar.

Aos 41 minutos, o Independiente conseguiu chegar ao empate com gol legítimo de Silvio Romero, mal anulado pelo trio de arbitragem. O atacante desviou na pequena área após chute de Meza, mas o bandeirinha deu impedimento sendo decisivo para a derrota do time da casa.

fa

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte