Topo

Esporte

Arsenal-Atlético de Madrid fazem final antecipada da Liga Europa

25/04/2018 11h37

Paris, 25 Abr 2018 (AFP) - Acostumados a disputarem a Liga dos Campeões, Arsenal e Atlético de Madrid se enfrentam pelo primeiro jogo da semifinal da Liga Europa, nesta quinta-feira, em busca de um título que possa salvar a temporada, enquanto Olympique de Marselha e RB Salzburg fazem o outro duelo da eliminatória.

O Emirates Stadium vai ter sua última noite europeia com o técnico francês Arsène Wenger, que anunciou que vai deixar o comando dos Gunners após 22 anos. A ideia é encerrar sua passagem com o primeiro título europeu da carreira.

Do outro lado, o Atlético de Madri, finalista da Champions League em 2014 e 2016, voltou à competição que conquistou em 2010 e 2012 após ser eliminado da fase de grupos do principal torneio do continente.

"Vamos (à Londres) com a ideia de marcar e não sofrer gols. Com a ideia de vencer o jogo, não sofrer e marcar o máximo de gols possíveis. Já veremos se conseguimos", disse o goleiro colchonero Jan Oblak.

O técnico Diego Simeone não teve dúvidas em poupar Antoine Griezmann e Koke no final de semana, já que o título do Campeonato espanhol está no colo do Barcelona.

Vai ser a primeira vez que Atlético e Arsenal se enfrentam em uma competição oficial na Europa. A princípio as estatísticas estão favoráveis a Simeone, que nos três jogos que disputou na Inglaterra comandando o time espanhol nunca foi derrotado. São dois empates e uma vitória até agora.

Mas o "Cholo" terá que lidar com os desfalques do lateral Juanfran, que sofreu problema muscular no jogo contra o Betis, e do atacante brasileiro naturalizado espanhol Diego Costa, que segue se recuperando de incômodos musculares.

Já o Arsenal aposta todas as fichas no título da Liga Europa para ser o final de ciclo ideal para Wenger, mas também para garantir a vaga na próxima Liga dos Campeões, repetindo o feito do Manchester United na última temporada.

- Luiz Gustavo líder -Em Marselha, os 67.000 lugares do Estádio Velodrome foram vendidos para receber o Salzburg em uma competição que deixou a cidade francesa motivada.

O clube destacou em comunicado que poderia ter lotado três 'Velodromes' por conta do alto interesse dos torcedores em comprar ingressos.

Dentro de campo, o técnico Rudi Garcia não vai poder contar com o japonês Hiroki Sakai, com problema no joelho esquerdo desde a goleada sobre o Lille (5-1) no último final de semana.

Patrocinado pela famosa marca de bebidas energéticas Red Bull, o Salzburg é o patinho feio da semifinal após espetacular campanha até agora. A estratégia de desenvolver jovens talentos para depois vendê-los está dando resultados além do plano financeiro nesta temporada.

Primeiro clube austríaco a esta altura da competição desde 1996, o Salzburg conta com o jovem malinense Diadié Samassékou, de 22 anos, que está no radar de contratações do Olympique de Marselha.

Único francês que conquistou a Liga dos Campeões (1993), o Olympique conta com o excelente momento de Florian Thauvin e Dimitri Payet, dois atacantes que devem disputar a Copa do Mundo da Rússia com a seleção francesa.

Na organização do jogo, destaque para o brasileiro Luiz Gustavo, que deixou a torcida francesa encantada na primeira temporada.

-- Programação dos jogos de ida pelas semifinais da Liga Europa:

(16h05) Olympique de Marselha (FRA) - RB Salzburg (AUT)

Arsenal (ING) - Atlético de Madrid (ESP)

- Semifinais volta: 3 de maio

- Final em Lyon dia 16 de maio.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte