Topo

Esporte

Chelsea freia investimentos em novo estádio por "clima desfavorável"

AFP PHOTO/CARL COURT
O russo Roman Abramovich é dono do Chelsea Imagem: AFP PHOTO/CARL COURT

31/05/2018 11h16

Propriedade do magnata russo Roman Abramovich, o Chelsea anunciou nesta quinta-feira que suspendeu os planos de construir um novo estádio, devido ao "clima de investimento desfavorável".

"O Chelsea Football Club anuncia hoje que deixa em suspenso o projeto de seu novo estádio", disse o time londrino em breve comunicado. "O design e planejamento preliminares a construção não continuarão", acrescentou.

"A decisão se tomou devido ao atual clima de investimento desfavorável", indicou o clube sem revelar mais detalhes.

O Chelsea pretendia construir seu novo estádio de 60.000 lugares no mesmo local onde agora está o Stamford Bridge, planejando que ficasse pronto em 2021.

A decisão sai pouco depois de, segundo a imprensa russa e britânica, Abramovich pedir a cidadania israelense por problemas para renovar seu visto após 15 anos como proprietário do clube.

Tudo isso durante enfrentamento diplomático entre Londres e Moscou, por conta do atentado com armas químicas contra um ex-espião russo e sua filha na cidade inglesa de Salisbury.

Mais Esporte