Topo

Esporte

Torcida pede dispensa militar para jogadores-heróis da Coreia do Sul

28/06/2018 11h32

Seul, 28 Jun 2018 (AFP) - Os torcedores sul-coreanos deliraram com a vitória de 2-0 de sua seleção ante a atual campeã mundial Alemanha, que acabou eliminada da Copa do Mundo, e pediram nesta quinta-feira que seus jogadores sejam premiados com a dispensa militar.

A Coreia do Sul conseguiu sua única vitória no torneio, mas não conseguiu passar para as oitavas de final.

Depois do fracasso no Mundial do Brasil-2014, a equipe foi recebida em casa com uma chuva de doces - um insulto tipicamente sul-coreano - pela falta de triunfos.

Dessa vez, com a incrível vitória sobre a Mannschaft, apagando sua pálida participação inicial ante Suécia (1-0) e México (2-1) pelo Grupo F, os jogadores sul-coreanos viraram heróis.

"Os 'Guerreiros de Taeguk' derrotaram os atuais campeões", afirmou a agência de noticias Yonhap.

As redes sociais sul-coreanas foram tomadas de mensagens de elogio e incredulidade pelo feito de seus jogadores.

"Derrotamos a Alemanha, a campeã do mundo! Foi uma despedida honrosa!", afirmou um internauta.

O primeiro-ministro Lee Nak-yeon também usou as plataformas digitais para comentar a vitória surpreendente. "A realidade golpeou nossa imaginação hoje", tuitou ele.

Foram lançados dezenas de petições online pedindo que o presidente Moon Jae-in dispense os jogadores de seus dois anos obrigatórios de serviço militar.

"Esse talento não deve ser desperdiçado no exército", afirma uma pessoa que assinou uma das petições.

Mais Esporte