Esporte

Canadense domina 'Buscapé' e impõe derrota brasileira no UFC

Ag. Fight

18/06/2016 20h22

Único brasileiro em ação no octógono do UFC neste sábado (18), em evento realizado na cidade de Ottawa, no Canadá, Leandro ‘Buscapé’ fechou o card preliminar do show e acabou superado pelo dono da casa Jason Saggo, que jogou com cautela no erros erros do rival e levou a vantagem na maioria das ações da disputa.

Ainda nos primeiros momentos de ação, o canadense segurou um chute do brasileiro, derrubou e passou praticamente o round inteiro punindo no ground and pound. Veloz, Saggo se adiantou e bloqueou todas as tentativas de raspagem ou de afastar para se levantar. Vitória parcial.

No segundo assalto, o brasileiro parecia ter perdido a explosão em seus ataques, mas contou com brechas do oponente para equilibrar a fatura. A começar pela falta de agressividade, que automaticamente rendeu o domínio do octógono para Buscapé. No final da etapa, quando tudo parecia igual, o canadense errou um chute e acabou derrubado, deixando a pontuação complicada tamanho o equilíbrio.

Na etapa final, Saggo se mostrou mais solto em pé e veio disposto a impedir que o rival crescesse. Desta forma, ele variou melhor os ataques e sobrou em volume, andou para frente e garantiu o domínio territorial, deixando claro que a essa altura havia deixado a contundência de lado em detrimento da certeza da vitória por pontos.

Por sua vez, o brasileiro, ex-atleta da Chute Boxe, viu sua sequência de três vitórias ser quebrada e  deixou a desejar, principalmente pelas promessas de dar novo show após o período de treinamento nos EUA na academia America Top Team.

Duelo dos desesperados

Juntos, Joe Soto e Chris Beal carregavam cinco derrotas seguidas antes do duelo que travaram no octógono do UFC no Canadá. Por isso, o clima de desespero entre os atletas virtualmente demitidos pareceu ser uma motivação a mais. Tanto que agressividade não faltou para os pesos-galos (61 kg).

Caminhando para frente, Soto combinou melhor os golpes e, usando mais a lateralidade em seu caminhar, conseguiu se esquivar e contra golpear de saída, o que lhe garantiu vantagem em pé. No chão, o melhor jiu-jitsu o colocou em posições de superioridade clara, que terminaram com um mata leão no último assalto.

Um alívio e tanto para o atleta que, com três derrotas em linha, nunca tinha vencido no maior show de MMA do mundo. Margem que lhe foi dada justamente por que, em agosto de 2014, ele salvou um card do UFC ao substituir Renan ‘Barão’ um dia antes da luta para encarar o então campeão TJ Dillashaw.

Duelo feminino

Nascida no Iraque e naturalizada no Canadá, Randa Markos contou com total apoio da torcida para vencer a boxeadora Jocelyn Jones-Lybarger por decisão unânime. Melhor desde o início, a veterana partiu para cima, dominou em pé e minou com golpes no chão, em esforço que lhe garantiu superioridade na parcial, mas que também lhe custou parte de sua resistência aeróbica.

Na etapa seguinte, Jocelyn voltou mais inteira e equilibrou as ações, chegando a preocupar a torcida que rapidamente identificou na queda de rendimento de Randa, que cadenciou o ritmo, atacou menos e se tornou alvo de jabs e cruzados da rival, um perigo à festa armada.

Mas passado o susto, Markos colocou sua experiência em jogo e voltou a dominar as ações, levando a melhor tanto no volume de golpes quanto principalmente na contundência. Andando para trás, a boxeadora ainda foi derrubada e pagou por ter o pior chão em jogo.

Confira os resultados do card preliminar do UFC Canadá:

Jason Saggo venceu Leandro ‘Buscapé’ por decisão dividida;
Misha Cirkunov finalizou Ion Cutelaba no 3º round;
Krzysztof Jotko nocauteou Tamdan McCrory no 1º round;
Joe Soto finalizou Chris Beal no 3º round;
Elias Theodorou venceu Sam Alvey por decisão unânime;
Randa Markos venceu Jocelyn Jones-Lybarger por decisão unânime;
Colby Covington finalizou Jonathan Meunier no 3º round;
Ali Bagautinov venceu Geane Herrera por decisão unânime.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo