Topo

Esporte

Frankie Edgar critica chance de revanche dada para McGregor

01/07/2016 13h35

Conor McGregor e Nate Diaz causaram tumulto em Las Vegas (EUA) na hora da troca de encaradas na última quinta-feira (3). Depois de um tapa do irlandês, o americano foi para cima e, acompanhado de seus parceiros de treino, deu início a um tumulto generalizado que só não acabou em pancadaria por conta da intervenção da polícia. E, como não poderia ser diferente, o clima de polêmicas e rivalidades entre eles garante a atmosfera perfeita para a disputa. Confira a seguir alguns dos principais causos dos protagonistas do show deste sábado - Diego Ribas

Conor McGregor e Nate Diaz se enfrentaram em março deste ano – Diego Ribas

Em dezembro passado, Conor McGregor derrotou José Aldo com apenas 13 segundos de luta e se tornou o novo campeão peso-pena (66 kg) do UFC. Mas antes que pudesse defender o seu título, o irlandês subiu de categoria, foi derrotado por Nate Diaz nos meio-médios (77 kg) e pediu por uma revanche imediata. Com o duelo marcado para o UFC 202, no dia 20 de agosto em Las Vegas (EUA), ‘The Notorious’ terá a chance de vingar o único revés sofrido desde 2010. Contudo, a ‘aventura’ do ‘falastrão’ longe dos penas não é vista por bons olhos pelos outros atletas da divisão.

Prestes a enfrentar José Aldo pelo cinturão interino dos penas no UFC 200, evento marcado para o dia 9 de julho em Las Vegas, Frankie Edgar lamentou a revanche ter sido concedida ao irlandês e deixou claro que McGregor tinha que ter voltado para defender o seu título na categoria. O americano ainda fez questão de deixar claro que se sentiu prejudicado com a situação.

“É lamentável. Penso que o McGregor tinha que defender o título. Ele fez o queria, subiu de categoria e lutou. Não deu certo para ele e ele deveria ter voltado para defender o cinturão. Mas ele tem mais voz que a maioria dos outros lutados e eu não posso odiá-lo por ele querer uma revanche. Mas é claro que estou sendo prejudicado, então tenho que pensar no meu lado”, criticou em entrevista ao jornal ‘International Business Times’.

Aos 34 anos, Frankie Edgar é ex-campeão dos pesos-leves (70 kg) do UFC. Atualmente, o americano compete na categoria peso-pena, onde já fez seis lutas - venceu cinco e perdeu justamente para José Aldo, seu adversário no próximo dia 9 de julho.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte