Esporte

Gadelha ignora provocações e acusa campeã do UFC de fazer jogo sujo

Ag. Fight

06/07/2016 03h00

Claudia Gadelha terá a chance de se vingar de sua única algoz - Diego Ribas

Claudia Gadelha terá a chance de se vingar de sua única algoz – Diego Ribas

Nesta sexta-feira (8) o Brasil poderá ter sua primeira campeã do UFC. Aos 27 anos, Claudia Gadelha terá a missão e o protagonismo na hora de buscar o feito inédito diante de uma velha conhecida, Joanna Jedrzejczyk. Campeã dos pesos-palhas (52 kg), a polonesa não apenas foi a única lutadora a vencer a brasileira no MMA como também foi a primeira a tirá-la do sério antes mesmo do combate. Cenário este que não se repetirá, de acordo com a desafiante.

“Acredito que o jogo mental faz parte da estratégia da Joanna dentro do octógono. Então, eu simplesmente não presto atenção nas coisas que ela fala. Não acho que ela fala coisas legais, mas nada do que sai da boca dela entra na minha cabeça”, prometeu durante conversa com jornalistas na última terça-feira (5), em Las Vegas (EUA), durante o treino aberto.

Curiosamente, a brasileira, que dividiu as gravações da última edição do TUF com a rival, também não alivia na hora de falar publicamente. Tanto que ao analisar possíveis estratégias e rumos que o duelo poderia levar, Gadelha não perdeu tempo em criticar e acusar a polonesa.

“Acho que a Joanna vai tentar fugir de mim o tempo todo. Tenho certeza que ela vai tentar colocar os dedos nos meus olhos, como ela sempre faz, mas eu vou fazer o meu jogo. Estou pronta para isso. Eu venci a primeira luta e vou mostrar para todos que sou a melhor lutadora”, narrou, em novo sinal da animosidade que a rivalidade entre elas alcançou.

E, verdade seja dita, o primeiro embate entre elas já foi recheado de provocações. Mas o resultado, questionável e polêmico a favor da atual campeã, que permanece invicta no MMA, deu ainda mais combustível para que ‘Claudinha’ iniciasse uma verdadeira campanha contra sua derrota de 2014.

“Na minha cabeça e no meu coração, eu ainda estou invicta. A minha derrota para a Joanna… Eu perdi para os juízes e não no octógono. Se você assistir a luta por cem vezes, verá que ela não venceu a luta. A única coisa que ela conseguiu foi um knockdown. Então estou tranquila quanto a isso”.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo