Esporte

Sparring de Spider decepciona e time de Gadelha vence todas na final do TUF

Ag. Fight

09/07/2016 01h31

O card principal do TUF Finale 23, evento marcado para esta sexta-feira (8) no Hotel Cassino MGM, em Las Vegas (EUA), contava com destaques importantes para o público que acompanhou a edição do reality show. Comandados por Claudia Gadelha e Joanna Jedrzejczyk, os selecionados para o programa dividiram a mesma casa por dois meses até chegarem à grande final, que contou com 100% de aproveitamento do time da brasileira.

Enquanto Andrew Sanchez bateu Khalil Rountree (único representante da equipe da polonesa) na divisão dos meio-pesados (93 kg), Tatiana Suarez superou Amanda Cooper ainda no primeiro assalto e garantiu, assim como o amigo, um contrato com a organização e levou para casa uma moto nova.

Na co-luta principal da noite, o sparring de Anderson Silva Khalil Rountree decepcionou e acabou superado por pontos por Andrew Sanchez após três rounds de domínio estratégico e territorial.  Sem dar chances ao azar, o comandado de Gadelha clinchou com perfeição a cada oportunidade que teve e levou a disputa sistematicamente para o solo.

Em pé, Sanchez apenas conectava golpes necessários para pontuar e obrigar o rival, que treina com o ‘Spider’ há anos, a se expor até que outra queda fosse efetuada com sucesso. Luta nada vistosa, mas que, apesar das vaias do público, garantiu o resultado necessário nas papeletas.

Já entre as mulheres, Tatiana começou com tudo e procurou trabalhar com golpes no ground and pound, enquanto sua parceira de equipe na casa, mais habilidosa com as costas no chão, chegou a raspar e inverter o domínio das ações.

Mas em belo movimento, a nova campeã do TUF encaixou um armlock que se não lhe rendeu a vitória, ao menos garantiu mais uma chance de atuar por cima batendo. E de lá ela não saiu mais. Faltando menos de 20 segundos para o final do combate, Suarez deu cabo da disputa com um triângulo de mão invertido.

Promessa americana

Ex-campeão do Bellator, Will Brooks fez jus à expectativa criada para sua estreia no UFC. Peso-leve (70 kg) habilidoso, o americano travou três rounds de pura trocação com o experiente Ross Pearson e, após alternarem momentos de superioridade, levou a melhor por decisão unânime.

Mais veloz, Brooks demorou a conectar os golpes mais contundentes, mas soube usar melhor todo a extensão do octógono e contragolpear. Com volume superior, o americano confundiu o britânico, que caminhando para frente deixou a lateralidade das ações como grande opção para o rival, que ao levar os dois primeiros rounds, se deu ao luxo de cair de rendimento e apenas administrar a última etapa.

“Foi mais do que eu poderia imaginar. Mas eu tive apenas três semanas para me preparar, então fiz o melhor que eu pude. Estou feliz, e vou fazer melhor. Agora é hora de seguir em frente e pegar o caminho rumo ao cinturão de ouro. esse semana toda foi incrível”, bradou no microfone ainda dentro do octógono.

Brasil em ação

Com dois representantes no octógono antes do main event entre Claudia Gadelha e Joanna Jedrzejczyk, o Brasil assistiu duas lutas rápidas. Após Thiago Tavares começar melhor e levar a luta para o chão, Doo Ho Choi conteve o ímpeto do experiente adversário, levantou e usou seu envergadura superior para rapidamente liquidar a fatura. Com certeiros jabs e um direito de direita no queixo, o faixa-preta de jiu-jitsu desabou na etapa inicial.

Por sua vez, Antônio ‘BJJ’ Neto anotou seu nono triunfo seguido na carreira que permanece invicta. Diante do americano Andrew Holbrook, o atleta da Evolução Thai precisou apenas de 34 segundos para agarrar a perna, derrubar, encaixar um cruzado e terminar a fatura com três golpes no ground and pound. Belo triunfo para um dos mais promissores atletas da nova geração.

Acompanhe os resultados do TUF Finale 23:

Andrew Sanchez venceu Khalil Rountree por decisão unânime;
Tatiana Suarez finalizou Amanda Cooper no 1º round;
Will Brooks venceu Ross Pearson por decisão unânime;
Doo Ho Choi nocauteou Thiago Tavares no 1º round;
Joaquim ‘BJJ’ Neto nocauteou Andrew Holbrook no 1º round;
Gray Maynard venceu Fernando ‘Açougueiro’ por decisão unânime;
Matheus Nicolau venceu John Moraga por decisão dividida;
Josh Stansbury venceu Cory Hendricks por decisão majoritária;
Cezar ‘Mutante’ venceu Anthony Smith por decisão unânime;
Kevin Lee nocauteou Jake Matthews no 1º round;
Li Jingliang nocuteou Anton Zafir no 1º round.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo