Esporte

Anderson Silva chora ao lembrar de apoio recebido antes de luta no UFC 200

10/07/2016 04h55

Anderson Silva não aguentou e cai no choro na coletiva de imprensa - Reprodução

Anderson Silva não aguentou e cai no choro na coletiva de imprensa – Reprodução

Anderson Silva mora em Los Angeles (EUA) e lá curtia férias com a família quando decidiu se oferecer para salvar uma da lutas principais do UFC 200, evento realizado no último sábado (9). Com apenas dois dias para se preparar para a disputa, o brasileiro sequer teve tempo de trazer todos os seus treinadores para o duelo. Por isso, um reforço de luxo foi mais do que importante na horas que antecederam o confronto contra Daniel Cormier.

Presente na cidade para acompanhar os atletas da academia American Top Team ao longo da semana, Katel Kubis se deslocou para ajudar o Spider nos treinos. A amizade entre eles, por sinal, é antiga. Formados em muay thai na academia de Fábio Noguchi, os lutadores mantém contato desde então. Fato que facilitou a vida de Anderson na hora em que ele precisou de ajuda.

“Vim fazer meu trabalho, não subi para lutar por dinheiro. Claro, trabalhamos, mas não aceitei por dinheiro. Estou feliz por fazer o que eu gosto. Lutar é o que eu vivo em mim. Não estou preocupado com bônus, estou bem com o que coloquei em prática. Usei os ensinamentos que eu aprendi em toda minha vida. Gostaria de agradecer a todos os meus treinadores, ao meu amigo Katel Kubis, que se formou comigo há muito tempo. Estou até emocionado”, narrou o ex-campeão dos médios (84 kg) antes de chorar.

Aos 41 anos, Anderson aceitou não apenas enfrentar um lutador campeão da categoria de cima. em ritmo de combate e com o treinamento pronto, Cormier já estava escalado para o duelo e só não se apresentou por ter sido flagrado em um exame antidoping.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo