Esporte

Ex-rival chama Jones de trapaceador por doping: "Nunca será capaz de apagar isso"

21/07/2016 10h25

Gustafsson foi um dos atletas que mais chegou perto de vencer Jones - Divulgação

Gustafsson foi um dos atletas que mais chegou perto de vencer Jones – Divulgação

Nenhum lutador no mundo chegou mais perto de derrotar Jon Jones do que Alexander Gustafsson. O sueco de 29 anos travou um combate intenso de cinco rounds com o ex-campeão dos meio-pesados (93 kg) onde finalmente mostrou brechas no jogo do americano e, no fim, perdeu em uma decisão apertada dos juízes laterais.

O respeito entre os dois atletas sempre foi algo que prevaleceu nessa relação, mas parece que o recente doping de ‘Bones’ pode mudar um pouco a história. Em entrevista recente ao FloCombat, Gustafsson falou sobre a situação do seu ex-rival e garantiu que esse doping ficará eternamente marcado na carreira do americano.

“Obviamente que acho que se for provado que ele estava trapaceando ele merece ser suspenso. O triste disso para mim é se ele tiver que ficar um ou dois anos fora, aí não sei nem mesmo se ele estará apto a voltar. Mesmo que ele volte, ele nunca será capaz de apagar a “marca de trapaceiro”. Uma vez que você é pego, você não pode nunca limpar esse caminho”, afirmou o sueco.

Gustafsson também passou a questionar o título de ‘melhor de todos os tempos’ que muitos davam a Jon Jones. Para o sueco, existem vários atletas de alta qualidade que podem tomar esse espaço.

“Acho que ele é um dos melhores do mundo, mas ‘o melhor de todos os tempos’? Não, não para mim. Já tiverem e ainda tem muito lutadores bons e acho que Jones ainda tem muito o que provar, especialmente agora depois do que aconteceu. Mesmo se ele estivesse tomando coisas ou não quando lutamos, não importa. Acredito que eu venci aquela luta e se nós nos encontrarmos novamente eu sei que posso vencer”, concluiu.

Jon Jones foi flagrado com bloqueadores de estrogênio em seu sangue. Desde que saiu o resultado do exame antidoping, o lutador vem pregando inocência no caso e afirmando não saber que os suplementos que tomava continham tal substância. A punição ao americano ainda não foi definida.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo