Esporte

Campeã de jiu-jitsu narra migração para o MMA: "É como voltar para a escola"

22/07/2016 09h00

Mackenzie Dern fará sua estreia no MMA nesta sexta-feira - Divulgação/War Tribe

Mackenzie Dern fará sua estreia no MMA nesta sexta-feira – Divulgação/War Tribe

Campeã mundial de jiu-jitsu, Mackenzie Dern estreia no MMA nesta sexta-feira (22) diante da também debutante Kenia Rosas em um clássico duelo striker x grappler. Mas para se adaptar ao novo esporte, a americana de sangue brasileiro precisou se reinventar nos treinamentos a ponto de voltar a se sentir uma principiante.

Afinal, embora uma unanimidade quando o assunto é luta no solo, a jovem de 23 anos precisou evoluir rapidamente nas demais modalidades que englobam o “xadrez” do MMA. E ao que tudo indica, ela parece satisfeita com o aprendizado dos últimos meses.

“
Treinei muita trocação e wrestling, e foi como voltar para a escola, como ser faixa-branca novamente (risos). Aprendi e sigo aprendendo diariamente, isso tem me motivado bastante. A dieta foi o ponto que mais mudou em minha preparação, porque tenho que bater 115 libras (52 kg) para lutar. Estou tentando todo o suporte e acompanhamento para fazer isso da maneira mais saudável possível”, narrou em conversa com a reportagem da Ag. Fight.

Filha do veterano Wellington ‘Megaton’, Mackenzie treina jiu-jitsu desde muito cedo. Com a arte suave no sangue, se tornar lutadora foi apenas uma questão de tempo. Agora, após conquistar o mundo nos tatames, é chegada a hora de se testar de uma nova forma, mesmo que isso signifique menos dedicação ao esporte que a consagrou.

“Consegui conquistar tudo no jiu-jitsu, escrevi minha história na modalidade. Eu não vou abandonar o jiu-jitsu, mas estou bem focada no MMA. Estou ansiosa para essa estreia, me testar, saber como me sairei lutando MMA. Me preparei bastante, e acho que todos estão esperando como vou aplicar meu jiu-jitsu no cage”, garantiu Mackenzie antes de analisar, mesmo antes da estreia, seus planos para o MMA.

“Tenho planos audaciosos para minha carreira no MMA, quero ser campeã do UFC. Vou subir a escadinha degrau por degrau, mas não vou abandonar o jiu-jitsu. Isso é impossível (risos)”, finalizou a agora lutadora do Legacy.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo