Esporte

Barboza maltrata perna de Melendez e fica mais perto do cinturão do UFC

AP Photo/Nam Y. Huh
Imagem: AP Photo/Nam Y. Huh

Ag. Fight

23/07/2016 22h23

Foi difícil, mas Edson Barboza conseguiu vencer Gilbert Melendez na segunda luta mais aguardada do UFC on Fox 20, disputado neste sábado (23), em Chicago (EUA). Atual número seis do ranking dos leves (70 kg), o brasileiro levou alguns sustos, mas impôs seu muay thai de alto nível para derrotar o ex-campeão do extinto Strikeforce e se aproximar de vez do cinturão da categoria.

Dono de uma maior envergadura e melhor na trocação, Barboza começou evitando ao máximo as quedas do americano, que é um excelente wrestler. Apesar disso, acertou golpes mais incisivos em pé e achou melhor a distância no início. O brasileiro acelerou no fim do primeiro round e encaixou bons golpes na linha de cintura do rival.

No assalto seguinte, o "brasuca" passou a minar a perna esquerda do americano com chutes baixos potentíssimos. Quase no meio do round, Melendez acertou uma bomba no rosto de Barboza e o atleta de Nova Friburgo rapidamente foi ao chão, mas se recuperou e ainda conseguiu uma boa queda nos segundos finais.

Nos últimos cinco minutos, Edson manteve a estratégia de castigar a perna esquerda do americano que mal conseguia ficar em pé. Sentindo muito, o Melendez conseguiu apenas se manter no combate até o fim e esperou que os juízes laterais oficializassem o triunfo do brasileiro por decisão unânime.

A vitória do número seis do ranking o coloca mais perto do título. O único problema é que Barboza é parceiro de Eddie Alvarez, atual campeão, e ambos garantem que essa luta não deve acontecer. Ainda no octógono, o brasileiro projetou seu futuro dentro da divisão, excluindo justamente um duelo contra o dono do cinturão: "Me sinto muito perto da disputa de título. Khabib [Nurmagomedov], [Tony] Ferguson ou Rafael [Dos Anjos], um desses seria uma boa luta para mim. Estou pronto", disse, citando nomes de destaque dos leves.

CARD PRINCIPAL

  • Edson Barboza venceu Gilbert Melendez por decisão unânime dos juízes
  • Francis Ngannou venceu Bojan Mihajlovi? por nocaute no primeiro round;
  • Felice Herrig venceu Kailin Curran por finalização (mata-leão) no primeiro round.

CARD PRELIMINAR

  • Eddie Wineland venceu Frankie Saenz por nocaute no terceiro round;
  • Darren Elkins venceu Godofredo ‘Pepey’ por decisão unânime dos juízes;
  • Kamaru Usman venceu Alexander Yakoblev por decisão unânime dos juízes;
  • Michel ‘Trator’ venceu JC Cottrell por decisão unânime dos juízes;
  • Alex ‘Cowboy’ venceu James Moontasri por decisão unânime dos juízes;
  • Jason Knight venceu Jim Alers por decisão dividida dos juízes;
  • Luiz Henrique ‘KLB’ venceu Dmitry Smoliakov por finalização (mata-leão) no segundo round.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Esporte

Topo