Esporte

Venezuelana ataca Ronda e classifica Holm como 'superestimada'

Getty Images
Julianna Peña criticou outras lutadoras peso galo do UFC e quer chance por cinturão Imagem: Getty Images

Ag. Fight

26/07/2016 10h27

Julianna Peña brilhou no UFC 200 ao não dar chances a Cat Zingano e vencer a americana por decisão unânime. O triunfo colocou a venezuelana na quarta colocação da divisão feminina dos galos (61 kg) e a deixou bem próxima do cinturão da categoria, que hoje pertence a Amanda Nunes.

Buscando essa oportunidade de lutar pelo título, a campeã do The Ultimate Fighter 18 decidiu atacar as rivais diretas. Em entrevista ao site ‘MMA Fighting’, Julianna falou sobre a derrota de Holly Holm para Valentina Shevchenko no último sábado. A venezuelana não se mostrou surpresa com o revés da ex-campeã e ainda revelou que considera a loira superestimada.

“Não, eu não fiquei surpreso. Eu venho dizendo há algum tempo que Holm é inofensiva e não poderia machucar uma mosca, especialmente em lutas de cinco rounds. Ela era um pouco superestimada e foi jogada ali no meio, como uma top 10 depois de bater em algumas pessoas que não estavam por ali há tanto tempo. Então acho que ela levou alguma sorte com as escolhas dos adversários que ela teve”, disse a campeã do TUF.

Julianna também falou sobre Ronda Rousey. Rival da americana desde quando elas gravaram o reality show, a venezuelana voltou a dizer que considera ‘Rowdy’ uma atleta de uma só arma e que sua derrota foi importante para que as pessoas conheçam outras lutadoras do Ultimate.

“Eu apenas sei que a divisão tem mudado muito agora que a Ronda não é a campeã e sabia que isso aconteceria. Sinto que a Ronda é como um pônei de um só truque que foi capaz de acumular vitórias e ser dominante, mas sabia que no soube no segundo em que ela perdeu que ficaria uma divisão aberta para todas nós. E, uma vez que ela foi exposta, seria difícil para ela voltar, ainda mais para voltar lá e ganhar o cinturão. É bom para as outras meninas para mostrar ao mundo que existem pesos-galos além de Ronda Rousey”, finalizou.

Julianna Peña já deixou claro que gostaria de lutar pelo cinturão. Ela e Shevchenko são as mais cotadas para encarar Amanda Nunes na primeira defesa de título da brasileira.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo