Esporte

Algoz de 'Thominhas' provoca campeão do UFC: "Se me enfrentar, perde tudo"

Ag. Fight

17/08/2016 06h00

Cody Garbrandt nocauteou Thomas Almeida no primeiro assalto do UFC Fight Night 88 - Diego Ribas

Cody ‘No Love’ nocauteou ‘Thominhas’ no primeiro assalto do UFC Fight Night 88 – Diego Ribas

Aos poucos, Cody Garbrandt se firmou como um dos grandes nomes dos pesos-galos (61 kg) do Ultimate. Com quatro vitórias em quatro lutas na organização – sendo três por nocaute – e ocupando atualmente a oitava posição no ranking da divisão, ‘No Love’ vem flertando com um title-shot. No entanto, Dominick Cruz, atual campeão da categoria, já declarou que está de olho em uma superluta contra José Aldo ou Conor McGregor pelos pesos-penas (66 kg). Mas para a jovem promessa americana, o dono do cinturão está fugindo de um duelo com ele.

Em conversa com o site ‘MMA Fighting’ durante um almoço com jornalistas na última segunda-feira (15), Garbrandt sugeriu que Cruz está evitando um duelo contra ele para proteger a sua história. De acordo com o americano, o campeão estaria colocando tudo a perder ao lhe enfrentar no octógono.

“Em sua defesa, se ele me enfrentar, ele perde tudo. Todo o legado que ele construiu como campeão peso-galo ele perde. Ele derrotou todos da categoria. Ele derrotou cada ‘Alpha Male’ que enfrentou. Mas eu sou um ‘Alpha Male’ diferente de qualquer um que ele já enfrentou”, declarou, antes de explicar como pretende derrotar o campeão que venceu da maioria dos atletas da categoria.

“Quando ele solta os seus golpes, o seu queixo fica exposto. Sua cabeça fica fora da guarda e eu acho que vou conseguir encontrá-la com muita precisão. Eu só precisava assistir uma luta dele ao vivo para me sentir confiante em nocauteá-lo. Ele terá que tirar uma pausa depois que me enfrentar para ver se seu queixo estará OK”, afirmou, lembrando que assistiu Cruz derrotar seu companheiro de equipe, Urijah Faber, no UFC 199.

Após nocautear 'Thominhas' Almeida de forma avassaladora no primeiro round em maio passado, Cody 'No Love', que não sabe o que é perder, se consolidou como um dos grandes nomes da categoria. Com apenas 24 anos de idade, o americano venceu todos os nove combates que já disputou na carreira, sendo oito deles por nocaute.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo