Esporte

Nurmagomedov acusa UFC de usar seu nome para fazer McGregor x Alvarez acontecer

20/10/2016 13h46

Invicto no MMA, o russo Khabib Nurmagomedov assinou contrato para lutar pelo cinturão do UFC em duas oportunidades. No entanto, ele sempre foi deixado de lado pelos planos de negócios da empresa, que preferiu escalar Conor McGregor para a missão. O atleta criticou publicamente a empresa - Diego Ribas

Nurmagomedov assinou contrato para lutar pelo cinturão em duas oportunidades – Diego Ribas

Khabib Nurmagomedov é mais um dos atletas do UFC que criticou publicamente a maneira como a organização gere seus negócios, afirmando que lutadores teriam sido deixados de lado em nome do entretenimento. E em novo capítulo dessa polêmica, o russo acusou Dana White e companhia de usarem seu nome para convencerem Conor McGregor e Eddie Alvarez a lutarem em Nova York.

Embora um pouco egocêntrica, a teoria do atleta é simples de entender. Como assinou por duas vezes contratos que o garantiriam o direito de enfrentar o campeão dos pesos-leves (70 kg), Khabib afirma que o americano, ao ver que estava prestes a enfrentá-lo, diminuiu as exigências contratuais com a organização e aceitou encarar McGregor em troca de uma bolsa menor. Por sua vez, o irlandês, ao perceber que perderia a chance de lutar pelo cinturão em Nova York, também se apressou em negociar rapidamente o duelo.

“O UFC me mandou dois contratos e eu assinei eles. O UFC usou meu nome para conseguir que a luta acontecesse. McGregor e Alvarez pediram muito dinheiro para lutarem. Mas, ao verem minha assinatura, o McGregor percebeu que eu venceria Alvarez, e ele não teria chance de conquistar o cinturão. E o Alvarez soube que não teria uma luta fácil como essa que ele fará com o McGregor. Acho que os dois ficaram com medo. Por isso acho que o UFC usou o meu nome”, narrou em conversa com site ‘Champion.co’.

Curiosamente, Khabib estará em ação na mesma noite do dia 12 de novembro, no show de estreia do UFC na cidade de Nova York. Diante de Michael Johnson, o atleta russo terá a missão de ampliar ser cartel invicto para 24 duelos e, assim, garantir de vez a chance de disputar o título (o que só não aconteceu ainda pelas constantes lesões que afastaram o lutador do octógono entre 2014 e 2016).

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo