Esporte

Charles 'Do Bronx' vacila de novo e é finalizado no UFC México

06/11/2016 02h06

A primeira parte do card principal do UFC México, evento realizado neste sábado (5), chamou a atenção por dois combates em específico. Promessa brasileira dos pesos-penas (66 kg), Charles ‘Do Bronx’ não rendeu o esperado e acabou finalizado por Ricardo Lamas, enquanto que a dona da casa Alexa Grasson estreou na organização com vitória contundente diante da experiente Heather Jo Clark.

Se na última sexta o brasileiro não atingiu o peso limite de 66 kg e cravou pouco mais de 4 kg da marca, neste sábado Bronx precisou se pesar três horas antes do show para garantir que estava com no máximo 75,5 kg. E com todo esse esforço somado à altitude, ficou claro nada daria certo para o exspecialista em jiu-jitsu dentro do octógono.

Número quatro do mundo, Lamas enfrentaria BJ Penn nas Filipinas, mas a lesão do ex-campeão adiou seu retorno ao octógono para o México. Por isso, o brasileiro teve apenas três semanas para se preparar e parece que isso pesou.

Depois de um início incrível, em que dominou no chão e quase finalizou com um estrangulamento, o brasileiro deu mole no segundo assalto e, após dominar as ações no chão de novo, acabou finalizado com uma guilhotina, da mesma forma que aconteceu em sua última luta, quando perdeu para Anthony Pettis. Uma pena que um dos maiores talentos da nova geração do MMA nacional sofra mais uma vez com problemas com a balança e com falhas em sua defesa.

Nova estrela

Grande aposta do UFC para conquistar o mercado mexicano, a peso-palha (52 kg) Alexa Grasso estreou na organização com direito a apoio total da torcida, que embalava cada um de seus golpes. E após três rounds de muita trocação, sua vitória foi anotada pelos jurados sem grandes surpresas.

Especialista em boxe, fruto dos treinos com seu tio, ex-pugilista profissional, a jovem atleta de 23 anos dominou o centro do octógono desde o início e se tornou a agressora em cada oportunidade que teve. Acuada, a rival Heather Jo Clark cogitou abandonar a disputa no intervalo do primeiro para o segundo assalto devido a uma lesão no olho.

Nas etapas seguintes, apesar do ferimento no rosto da americana aumentar, a atleta resistiu e cresceu de rendimento com o decorrer do confronto, deixando claro que Grasso não conteve a emoção da estreia como deveria. Mesmo assim, nada abalou a diferença técnica apresentada e os jurados não tiveram dúvidas em declará-la vencedora por decisão unânime.

Confira os resultados do UFC México:

Ricardo Lamas finalizou Charles ‘Do Bronx’ Oliveira no 2º round;
Martín Bravo nocauteou Claudio Puelles no 2º round;
Beneil Dariush venceu Rashid Magomedov por decisão unânime;
Alexa Grasso venceu Heather Jo Clark por decisão unânime;
Érik Pérez venceu Felipe 'Sertanejo' Arantes por decisão dividida;
Joe Soto finalizou Marco Beltrán no 1º round;
Max Griffin nocauteou Erick Montaño no 1º round;
Douglas Silva de Andrade nocauteou Henry Briones no 3º round;
Sam Alvey venceu Alex Nicholson por decisão unânime;
Marco Polo Reyes venceu Jason Novelli por decisão unânime;
Enrique Barzola venceu Chris Avila por decisão unânime.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo