Esporte

McGregor aposta mais alto do que nunca para obter marca histórica no UFC NY

Joshua Dahl-USA TODAY
Em Nova York, Conor McGregor pode alcançar seu maior feito no UFC Imagem: Joshua Dahl-USA TODAY

Ag. Fight

12/11/2016 06h00

Desde que chegou ao UFC, Conor McGregor se fez notar e deixou claro que tinha uma personalidade diferenciada. E, somadas a ela, suas vitórias velozes e contundentes garantiram a visibilidade que passou a crescer de forma exponencial. Foi a fórmula que bastou para que em menos de três anos ele, já com o cinturão dos pesos-penas (66 kg) em seu poder, liderasse uma legião de fãs e figurasse como o maior vendedor de pay-per-view da história do MMA. E neste sábado (12), seu maior feito pode ser alcançado.

Sonho antigo do irlandês, a oportunidade de ostentar dois cinturões do UFC ao mesmo tempo nunca sequer foi permitida a qualquer outro atleta do evento. Mas com poder de barganha irrecusável (público, mídia e lucro), McGregor convenceu Dana White a ter este direito e diante de Eddie Alvarez o título dos leves (70 kg), caso conquistado, pode garantir de vez seu lugar na história do esporte.

Para isso, uma característica volta a entrar em jogo: o risco. Disposto a apostar cada vez mais alto, o irlandês sabia que não poderia ficar de fora da luta principal do show de estreia na cidade de Nova York. No entanto, anotar a marca histórica no tradicional ginásio Madison Square Garden exigiu não apenas ceder a vantagem de peso para o rival, acostumado a competir nesta categoria, mas também a abrir mão do tempo para fazer um camp perfeito.

Afinal, ao vencer Nate Diaz no dia último dia 20 de agosto, Conor saiu do octógono mancando e com suspeita de uma fratura no tornozelo esquerdo. Após uma bateria de exames, os médicos recomendaram seis meses sem lutar. Em menos de três, no entanto, ele colocará seu legado em rota de colisão com sua vontade de fazer história – mais uma vez.

Aos 28 anos, Conor demonstra o ímpeto e obsessão de sempre. Semanas antes do duelo, ele confirmou que após o show fará um anúncio de caráter pessoal, o que deu início a uma série de rumores sobre uma possível gravidez de sua namorada ou até mesmo sobre uma improvável aposentadoria. Exemplo perfeito para presentificar o poder de seus feitos no esporte.

Mesmo sem fazer o anúncio, todos já comentam e especulam sobre seu teor. Assim como quando, sem decretar o fim da carreira, causou comoção nas redes sociais com uma simples mensagem ambígua. Da mesma forma que, mesmo antes de entrar no octógono, as atenções se voltam para cada uma de suas coletivas de imprensa, justamente porque muito se espera dele. Fator este que parece motivá-lo ainda mais na busca por seus sonhos megalomaníacos (como entrar na lista da Forbes entre os atletas mais ricos do mundo).

Por isso, neste sábado, o UFC Nova York será o palco perfeito para sua nova grande cartada. E ele sempre soube disso. Resta descobrir se o risco será alto demais.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Esporte

Topo