Esporte

Treinador brasileiro de Joanna Jedrzejczyk minimiza curto período de treino

Ag. Fight

12/11/2016 12h00

Depois de bater Claudia Gadelha em julho e amplicar sua invencibilidade no MMA, a polonesa Joanna Jedrzejczyk se mudou para os EUA e escolheu a academia America Top Team como nova casa. Lá, a multicampeã mundial de muay thai encontrou no brasileiro Katel Kubis o novo responsável por afiar suas habilidades em pé e, e ao menos até o momento, a união parece sair melhor do que o esperado.

No início do semana, a polonesa, campeã dos pesos-palhas (52 kg), rasgou elogios ao técnico que, por sua vez, revelou uma admiração recém-construída com a pupila. Graças ao clima de confiança mútuo, ele garante que o curto espaço de tempo tanto para adaptação ao novo país quanto para o treino para a luta não foram grandes problemas.

“É verdade, ela chegou com pouco tempo mas foi o suficiente para criar um bom ambiente e entrosamento com os treinadores e lutadores. Na verdade, nós não focamos muito no tempo mas sim na qualidade em que aproveitamos esse período. Foi por isso que acreditamos ter sido um tempo ideal e muito bem aproveitado”, narrou em conversa com a reportagem da Ag. Fight.

Com pouco tempo para acompanhar a atleta e sabendo do potencial da pupila, a forma encontrada pelo treinador foi antes de mais nada respeitar a individualidade de Joanna. Dessa forma, além de entender melhor a dinânica de seu jogo, foi possível, aos poucos, acrescentar detalhes.

Ola Diego, treinar uma campeã como a Joanna é muito gratificante mas, o melhor é como a pessoa dela é , esse é dos grandes diferenciais dela, uma excelente pessoa, tem uma formação dentro da arte marcial, ela continua buscando evoluir e é por causa dessa mentalidade é q eu estou conseguindo ajudar ela.

“Os treinos foram bem puxados e conseguimos trabalhar bem em cima dos fundamentos que as vezes se perdem pelo excesso de confiança. Primeiro, nós respeitamos a individualidade do atleta, então o foco foi dar continuidade ao jogo dela e, a partir desse ponto, no dia a dia, fomos ajustando e aprimorando as técnicas para que ela esteja mais eficiente tanto na defesa quanto nos ataques”. analisou.

A sorte está lançada e, curiosamente, o primeiro teste do treinador no corner da campeã será diante da também polonesa Karolina Kowalkiewicz, outra invicta como profissional e especialista na luta em pé.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo