Esporte

Joanna supera susto, dá show de muay thai e garante cinturão do UFC

Ag. Fight

13/11/2016 04h00

Na primeira das três disputas de cinturão programadas para a noite deste sábado (12), no UFC Nova York, Joanna J?drzejczyk deu show de técnica e raça para manter seu cinturão dos pesos-palhas (52 kg). E para isso, ela ainda quebrou a invencibilidade da rival Karolina Kowalkiewicz.

O duelo entre as polonesas durou os cinco rounds previstos e contou com amplo domínio da campeã. Com jogo de pernas consistente, Joanna lançou mão de um amplo arsenal de golpes. Com chutes baixos ela minou a adversária tanto quando ela caminhava para frente ou quando ela voltava à base para atacar. Já com cruzados de esquerda principalmente nas saídas de suas entradas de golpes, a número do um do mundo impôs limite aos ataques da rival, que mesmo assim esteve longe de ser uma adversária fácil.

Raçuda e ciente da desvantagem no placar, Karolina caminhou para frente a todo momento e surprendeu com tentativas de clinche e socos rodados, o que deu ainda mais emoção à disputa. Mas foi só no quarto assalto que seu melhor momento aconteceu. Com um direto de direita de encontro, a desafiante balançou Joanna, que chegou a ficar 30 segundos acuada nas grades enquanto apenas se defendia. Por sinal, essa foi a única parcial em que a campeã não levou a melhor.

Mas passado o susto, Joanna deixou clara sua supremacia e levou a vitória por decisão dos jurados sem grandes questionamentos. “A Karolina é muito dura, uma grande oponente. Provamos que as polonesas são as melhores do mundo. Quem sabe no ano que vem não fazemos um evento na Polônia”, finalizou a campeã ao microfone.

And Still

Com o cinturão dos meio-médios (77 kg) em jogo, Tyron Woodley e Stephen Thompson travaram uma verdadeira guerra de cinco rounds. E ao final da disputa, o campeão manteve o título de forma conturbada e polêmica. Em um primeiro round estratégico, Woodley esperou o momento certo de segurar a perna do oponente durante um chute para derrubá-lo e, uma vez no chão, emplacar amplo domínio e deixar o desafiante sangrando. No entanto, o esforço despendido cobrou a conta no rounda seguinte e, cansado, o wrestler se tornou alvo fácil para o ex-campeão de kickboxing. Luta empatada.

Na terceira etapa, a mais equilibrada, Woodley e Thompson trocaram golpes em pé por cinco minutos e demonsraram respeito e cansaço, o que garantiu ligeira vantagem territorial para o campeão, que voltou a sobrar na etapa seguinte. Após aplicar um knockdown encurralar o desafiante na grade, Woodley ainda puxou para a guarda e tentou uma guilhotina - que não surtiu efeito. No quinto e último assalto, Thompson, mais inteiro e atrás no placar, caminhou para frente o tempo todo e soube escolher melhor os golpes, o que àquela altura garantia apoio incondicional da torcida no ginásio Madison Square Garden.

Desta forma, dois jurados marcaram empate, enquanto um deles apontou vitória do campeão, que apesar do empate majoritário manteve o título. Confuso, Bruce Buffer anunciou de forma errada e declarou Woodley vencedor e precisou corrigir a informação. Desta forma, com o empate, eles terão que lutar de novo, o que deixa Demian Maia no banco de reservas de novo. Que falta de sorte do brasileiro!

Confira os resultados do UFC Nova York:
Tyron Woodley e Stephen Thompson empataram de forma majoritária;
Joanna Jędrzejczyk venceu Karolina Kowalkiewicz por decisão unânime;
Yoel Romero nocauteou Chris Weidman no 3º round;
Raquel Pennington venceu Miesha Tate por decisão unânime;
Frankie Edgar venceu Jeremy Stephens por decisão unânime;
Khabib Nurmagomedov finalizou Michael Johnson no 3º round;
Tim Boetsch nocauteou Rafael 'Sapo' Natal no 1º round;
Vicente Luque nocauteou Belal Muhammad no 1º round;
Jim Miller venceu Thiago 'Pitbull' Alves por decisão unânime;
Liz Carmouche venceu Katlyn Chookagian por decisão dividida.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo