Esporte

Pronto para UFC SP, Bodão ainda espera encarar lutador que caiu do elevador

Reprodução/Internet
Imagem: Reprodução/Internet

Ag. Fight

16/11/2016 08h00

Francimar ‘Bodão’ estava pronto para uma das lutas mais importantes de sua vida. Ele enfrentaria CB Dollaway em card realizado em setembro, em Cleveland (EUA). Mas o que o lutador não esperava é que um acidente de elevador obrigasse seu oponente a desistir do duelo e fizesse ele ficar sem adversário.

Livre deste trauma, Bodão acabou sendo brindado com a oportunidade atuar perto de sua sua torcida. O brasileiro foi escalado para enfrentar o inglês Darren Stewart no UFC São Paulo, agendado para este sábado (19). E, mesmo com a diferença de quase dois meses entre o card em que ele iria lutar e seu novo desafio, o brasileiro garantiu que está feliz por atuar diante de seus conterrâneos e que quase não parou de treinar.

“Fiquei feliz pela possibilidade de lutar aqui no Brasil. Será a terceira aqui, a primeira foi no Rio, a segunda em Goiânia e agora essa em São Paulo. Meu camp continua, não paro nada, parei só uma semana e já voltei a treinar”, afirmou em conversa com jornalistas.

Dono de um cartel com 18 vitórias e cinco derrotas, Bodão ainda não impressionou no Ultimate, onde detém três triunfos e dois reveses. O atleta de 36 anos espera poder mudar esse panorama diante do inglês que, assim como ele, é mais adepto da "trocação".

“Eu fazia ótimas lutas aqui (no Brasil), é o meu estilo. Uma coisa que eu gosto dentro de mim, de ir para "trocação", e não consegui fazer ainda ano UFC. Teve algumas que tentei, mas ainda não deu. Acho que essa é uma luta que casa bem comigo. Ele gosta da parte de "trocação". Essa luta será em São Paulo, me sentirei muito bem e vou cair para dentro dele”, disse.

Apesar de ter Stewart pela frente, Bodão não nega que parte do seu pensamento ainda está em encarar Dollaway. O americano foi o único a se machucar no acidente com o elevador que tinham vários lutadores, mas o brasileiro se recusa a pensar que a lesão não era tão séria, e garante que estará pronto para quando CB puder voltar ao octógono.

“Foi um acidente. Ele despencou três andares. Tinham outros lutadores juntos, mas graças a Deus mais ninguém se feriu. Vocês não vão ouvir falar de mim isso aí (que Dollaway forjou lesão), porque eu posso passar por isso algum dia. Até porque se ele passou pela junta médica e disseram que ele está machucado, não sou que falarei que é mentira. Quando ele estiver pronto, estarei esperando ele aqui”, encerrou.

Quer receber notícias do MMA de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo