Esporte

Matheus Nicolau desabafa sobre doping: "Consciência limpa"

30/11/2016 15h09

Nicolau revela suspeita de suplemento contaminado. - Divulgação UFC

Nicolau revela suspeita de suplemento contaminado. – Divulgação/UFC

Promessa do MMA brasileiro, Matheus Nicolau testou positivo para substância proibida em exame antidoping no começo deste mês, o que fez com que ele fosse retirado do card do UFC Fight Night 100, que ocorreu em São Paulo no último dia 19. Inconformado com a situação, em entrevista a site ‘MMA Junkie’ nesta quarta-feira, o lutador garantiu que nunca fez uso de drogas ilícitas para melhorar seu condicionamento, além de apontar a suspeita de que seu suplemento poderia estar contaminado.

O atleta relembrou como ficou sabendo do ocorrido. Sem acreditar na notícia que havia recebido por e-mail, o atleta entrou em contato com a organização e com a USADA (Organização Nacional Antidoping dos Estados Unidos) e recebeu a notícia de que apenas vestígios de contaminação foram encontrados em seu teste, o que em um primeiro momento não caracterizava o uso para melhora de performance. Nicolau revelou que é muito cuidadoso sobre as substâncias que ingere, e por isso ficou tão surpreso com a notícia.

“É realmente isso, uma substância proibida, como? Eu nem sequer acreditei nisso, foi tipo: ‘Eu não acredito que estou lendo isso’. Eles disseram que apenas traços de contaminação foram encontrados. Nós temos nossas suspeitas de quais podem ter sido os suplementos, mas é difícil pensar em algum que tomei recentemente, nenhum deles possuía essa substância. Meu médico é muito cauteloso sobre isso, ele sempre lê as substâncias. Estamos trabalhando com a pior das hipóteses, que é um ano. Eu não tomei nenhum remédio nos últimos dois meses antes do teste, nossa suspeita número um é a de suplemento contaminado. Apesar de tudo, minha consciência está limpa”, revelou.

O MMA é um esporte que exige muito esforço físico por parte de seus atletas profissionais, o que torna a presença de suplementos alimentares uma constante dentro desse universo. Para Nicolau, o recente incidente deixou clara a falta de segurança sobre o uso desses estimulantes pois não tem como controlar situações como a que ocorreu não se repitam.

“Sou um atleta de alta performance e preciso de suplementos para lutar, como vou continuar em alto nível comendo arroz e feijão? Eu preciso dos suplementos. Essa é minha preocupação. Eu sempre fui muito cuidadoso com isso, sempre fui ao médico. Então minha preocupação é sobre como vou me proteger para que essa situação não ocorra no futuro? Poderia ter sido pior, antes de uma disputa de título. Eu preciso usar isso para aprender e me tornar o melhor lutador de MMA que posso ser”, afirmou.

Com apenas 23 anos, o mineiro ainda tem muito tempo para se recuperar do incidente e aumentar o cartel invicto dentro do UFC, onde já acumula duas vitórias desde que estreou na organização em novembro de 2015. Ex-participante do TUF Brasil 4, Nicolau aguarda o desenrolar da situação para saber quando estará de volta aos octógonos.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo