Esporte

Dana White lamenta saída de lendas do UFC: "Eram os meus caras"

Alex Trautwig/Getty Images
Dana White lamentou a saída de Chuck Lidell e Matt Hughes Imagem: Alex Trautwig/Getty Images

Ag. Fight

07/12/2016 14h30

Aos poucos, os novos donos do UFC vão dando a sua cara ao maior torneio de MMA do mundo. Após adquirir a companhia em julho passado em negociação que bateu a casa dos 4 bilhões de dólares (cerca de R$ 13,2 bilhões na época), a gigante WME-IMG começou a cortar gastos e demitiu cerca de 80 funcionários. Além disso, no último domingo (4), o Ultimate anunciou que os ex-campeões e membros do 'Hall da Fama', Chuck Liddell e Matt Hughes, não fazem mais parte do plantel de contratados pelo evento. E no meio desse turbilhão de mudanças, restou a Dana White, presidente do torneio, apenas lamentar a saída dos "seus caras".

Durante uma entrevista no podcast UFC Unfiltered, Dana exaltou Chuck Liddell e Matt Hughes e deixou claro que a contratação deles tinha sua influência direta. De acordo com o presidente do Ultimate, os cargos executivos oferecidos aos ex-lutadores eram uma forma de recompensar tudo o que eles fizeram pelo crescimento da companhia.

"O Chuck Liddell e o Matt Hughes, durante o período da ZUFFA, eram os meus caras. Eu queria que eles se aposentassem, eu respeitava esses caras. Eles me ajudaram a construir essa companhia enquanto eu estava expandindo e eu disse a eles: 'A não ser que eu caia morto ou chegue em alguma posição onde eu não controle a quantidade de dinheiro gasto e todas essas coisas, vocês receberão um salário'. E esse dia chegou. A situação do Matt e do Chuck era algo de lealdade comigo. Era meu presente para eles por serem os caras que foram", declarou.

Apesar de lamentar a saída dos ex-campeões do plantel da companhia, Dana fez questão de ressaltar que as mudanças na empresa são normais dadas as circunstâncias atuais. Segundo o dirigente, já existem funcionários prontos para ocupar os cargos vagos.

"Quando uma companhia adquire outra empresa, é absolutamente normal que eles entrem e, especialmente no nível executivo, liberem algumas pessoas para poder trazer seus caras que vão assumir esses cargos. Em alguns cargos que ficaram vagos, eles já têm pessoas prontas para assumir. É a companhia deles, eles querem colocar o seu pessoal, é absolutamente normal. Muitos dos nossos executivos foram liberados. Uma companhia grande como a WME-IMG tem muitas pessoas para esses cargos", afirmou.

Quer receber notícias de MMA de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo