Esporte

Dillashaw chama Faber de 'imaturo', mas garante que não deseja mal ao antigo tutor

07/12/2016 17h49

T.J. Dillashaw derrotou Raphael Assunção no UFC 200 - Diego Ribas

T.J. Dillashaw derrotou Raphael Assunção no UFC 200 – Diego Ribas

Os primeiros passos de TJ Dillashaw como lutador profissional aconteceram, de certa forma, graças a Urijah Faber. Convidado pelo ‘California Kid’ para treinar na ‘Team Alpha Male’, o americano fez sua estreia em 2010 e, sob a tutela do californiano, participou do TUF 14 e foi contratado pelo Ultimate em 2012. Contudo, depois de desavenças com o ex-campeão do WEC, a relação entre os amigos mudou e o peso-galo (61 kg) abandonou a equipe. Mas agora, com o veterano prestes a se aposentar, o seu antigo pupilo garante que, apesar de não ter mais empatia por seu antigo tutor, não lhe deseja mal algum.

Em entrevista no programa ‘The MMA Hour’ na última segunda-feira, Dillashaw lamentou a relação com Faber ter acabado de forma hostil. Na opinião do ex-campeão do UFC, o California Kid não soube lidar com a situação e causou toda a confusão ao lhe direcionar ataques em público.

“Eu tenho emoções diferentes nesse assunto. É uma pena as coisas terem acontecido da maneira que aconteceram e eu acho que ele foi bem imaturo, tentando me criticar daquela forma. No início, eu achei que era só para ele ganhar um title-shot e realmente espero que ele chegue um dia para mim e seja capaz de falar que era isso que ele estava fazendo”, declarou Dillashaw, antes de acrescentar que não deseja mal ao seu antigo tutor.

“Mesmo esse cara tendo me deixado bem enfurecido e eu ainda odiar ele pela forma que agiu, no final das contas, eu não desejo nada de ruim para ele”, afirmou.

Em julho passado, T.J. Dillashaw derrotou Raphael Assunção por decisão unânime no show de número 200. Agora, o ex-campeão dos pesos-galos está escalado para enfrentar John Lineker no UFC 207, evento que será realizado no próximo dia 30 de dezembro em Las Vegas (EUA). Faber, por sua vez, deve fazer sua última luta da carreira no dia 17 de dezembro, quando medirá forças contra Brad Pickett no UFC on Fox 22.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo