Esporte

Cody 'No Love' minimiza habilidades de Dominick Cruz e provoca: "Não evoluiu"

20/12/2016 09h00

Cody 'No Love' enfrentará Dominick Cruz no UFC 207 - Diego Ribas

Cody ‘No Love’ enfrentará Dominick Cruz no UFC 207 – Diego Ribas

A confiança de Cody Garbrandt está lá no alto. Invicto na carreira com dez vitórias em dez lutas – sendo nove por nocaute -, ‘No Love’ terá o maior desafio da carreira no próximo dia 30 de dezembro quando enfrentará Dominick Cruz pelo título dos pesos-galos (61 kg) do UFC. No entanto, o dominante campeão, que perdeu somente um duelo na vida em 2007, não parece assustar o jovem atleta que garante ter certeza de que sairá com o braço erguido do octógono.

Durante uma conversa com jornalistas nos bastidores do UFC Sacramento, no último sábado (17), Cody elogiou o estilo único de Cruz, mas ponderou que o campeão não evoluiu seu jogo. Além disso, No Love lembrou que o compatriota tem problemas crônicos nos joelhos – Dominick não fez nenhuma apresentação em 2012 e 2013 em função de lesões – e deixou claro que possui mais velocidade e força nos golpes. E por isso, o jovem tem certeza que o veterano terminará o UFC 207 sem o seu cinturão.

“Dominick Cruz tem um estilo único e ele foi muito bem assim. Mas ele não evoluiu como lutador. São os mesmos movimentos, os mesmos golpes. Se você assistir as lutas dele verá que ele é o mesmo lutador. Ele tem os dois joelhos machucados, suas mãos não estão boas… Eu sou mais rápido, mais forte e estou com mais sede que ele. Vou ditar o ritmo e tirar esse cinturão dele”, declarou.

Membro da ‘Team Alpha Male’, Cody tem ao seu lado Urijah Faber, que já enfrentou Cruz em três ocasiões e é o único lutador que já derrotou o campeão. E para No Love, a experiência do ‘California Kid’ é determinante na sua preparação para encarar o Dominator.

“Com certeza, Faber enfrentou o Cruz três vezes. Eu e o Urijah somos lutadores diferentes, mas eu consigo absorver muita coisa das lutas que ele fez. Ele já esteve lá por três vezes e o meu treinador já esteve no córner contra o Cruz por 27 rounds. Então estou confiante nas minhas armas para trazer esse cinturão no dia 30”, afirmou.

Contratado pelo UFC em 2015, Cody já fez cinco apresentações no Ultimate e venceu todas elas. Aos 25 anos de idade, No Love coleciona na carreira um cartel com 10 vitórias e nenhuma derrota.

 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo