Topo

Esporte

Stephen Thompson critica postura de campeão do UFC: "Pare de palhaçada"

09/01/2017 17h48

diego ribas

Stephen Thompson voltou a pedir pela revanche com Tyron Woodley – Diego Ribas

Tyron Woodley e Stephen Thompson se enfrentaram no UFC Nova York e, após cinco rounds, viram o empate ser declarado e a expectativa para uma revanche imediata ser criada. No entanto, aí a primeira grande desavença para o primeiro trimestre do evento. E no que depender do desafiante, todo o esforço será feito para que este duelo aconteça.

Até porque, se ele não for rápido, é capaz que Woodley encontre outro oponente. Nas últimas semanas, diversos outros rivais foram cogitados pelo campeão, que segue cada vez mais arredio à possibilidade de encarar Thompson de novo.

“É exatamente isso o que parece . Ele chamou o Nick Diaz, o GSP , o Demian Maia… Até falou em subir de categoria para encarar o Michael Bisping. Ele está virando a cabeça para o cara que ele deveria enfrentar, que sou eu”, garantiu em conversa com o programa ‘MMA Hour’.

Inconformado com a postura de Woodley, o desafiante subiu o tom e reforçou a história divulgada em redes sociais de que ele assinou o contrato para enfrentá-lo em março, no UFC 209, e segue na espera da definição do adversário.

“Pare de fazer palhaçada. Você está chamando todos para lutar e o cara que você tem que enfrentar está bem aqui. Então faça isso, assine esse contrato e vamos lutar. Eu sei que você não ficou feliz com a última luta. Então vamos fazer isso”, bradou, antes de prometer estar pronto para a data em questão.

“Eu estou me preparando para o dia 4 de março. Estou trazendo a minha equipe para treinar. Assinei um contrato e vou lutar no dia 4 de março”.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte