Esporte

Spider coloca em dúvida vitória de Bisping e fala em revanche: "Ficou algo no ar"

26/01/2017 14h48

Anderson Silva quer lutar com Bisping longe da Inglaterra - Gabriel Monteiro

Anderson Silva quer lutar com Bisping longe da Inglaterra – Gabriel Monteiro

Anderson Silva está a pouco mais de duas semanas de retornar ao octógono mais famoso do mundo. O ex-campeão dos médios (84 kg) enfrentará o americano Derek Brunson na segunda luta mais aguardada do UFC 208, que acontecerá em Brooklyn, Nova York (EUA). Mas parece que o pensamento de Spider vai além do americano e ainda está em Michael Bisping, atleta que o derrotou em fevereiro do ano passado por decisão unânime dos juízes laterais.

Acontece que, apesar de ter perdido por unanimidade após cinco rounds, o brasileiro acredita que o julgamento daquele combate foi errado. Isso porque Anderson Silva lutou em Londres, na Inglaterra, terra de Michael Bisping. Em conversa com a imprensa no Rio de Janeiro nesta quinta-feira (26), Spider contestou novamente o resultado do duelo e garantiu que se houvesse a chance de fazer uma revanche com o inglês toparia instantaneamente – desde que não fosse na casa do rival.

“Eu estou pronto para lutar, independente com quem seja. Seria perfeito lutar com o Bisping porque ficou algo no ar. Não só comigo, mas também com o Dan Henderson. Ficou algo no ar lá em Londres. Acho que se fosse em um lugar neutro eu aceitaria com certeza. Independente de cinturão ou qualquer coisa, seria interessante lutar com o Bisping novamente. Claro que não , sem dúvida não”, disse o brasileiro, relembrando que Henderson também encarou Bisping na Inglaterra e perdeu na decisão dos juízes como ele.

“Acredito que venceria se fosse em outro lugar. Houve uma sucessão de erros na luta, mas isso é passado”, completou Spider, que naquela luta chegou muito perto de vencer por nocaute no fim de terceiro round, mas o gongo salvou o seu adversário.

Vindo de cinco lutas sem vencer, Anderson Silva precisa de um resultado positivo para retomar a boa fase. Mas, aos 41 anos de idade, o brasileiro garante que não sente mais a pressão por vitórias. Spider quer apenas fazer aquilo que gosta dentro do octógono.

“Agora eu só quero me divertir e fazer o que eu amo. Não tenho pressão nenhuma. Já passei por todas as fases deste esporte. Já perdi, já ganhei, já me lesionei… Então agora é fazer o que eu amo e com a minha verdade. Sem se preocupar com as coisas que as pessoas vão dizer”, resumiu.

Anderson Silva possui um cartel de 33 vitórias, oito derrotas e uma luta sem resultado. Brunson, seu adversário no UFC 208, tem uma carreira menor e soma 16 triunfos e quatro reveses.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo