Esporte

UFC economiza em prêmios bônus e apenas 'Jacaré' leva performance da noite

Jeff Bottari/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images
Jacaré venceu sua luta Imagem: Jeff Bottari/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images

Ag. Fight

12/02/2017 05h58

 

Lutas longas, quase sempre decididas pelos juízes e com uma certa dose de insatisfação da plateia, que por vezes vaiou as disputas mais mornas, o UFC 208, evento realizado no último sábado (11), contou com uma curiosa postura da organização do show, que “economizou” nos tradicionais prêmios bônus.

Se normalmente quatro competidores retornam para casa com os cheques de 50 mil dólares – dois como performances da noite e dois como protagonistas da melhor luta do evento -, desta vez apenas três deles garantiram o polpudo valor em suas contas bancárias.

Enquanto Jim Miller e Dustin Poirier foram eleitos como os astros da luta da noite, o brasileiro Ronaldo ‘Jacaré’ foi o único que mereceu atenção individual dos promotores do show. Afinal, o peso-médio (84kg) finalizou Tim Boetsch e garantiu a única luta da noite a não ir para a decisão dos jurados.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo