Esporte

Iuri "Marajó" dribla falta de patrocínios com dinheiro do próprio bolso

Matthew Stockman/Getty Images
uri ‘Marajó’ enfrentará Luke Sanders no UFC 209 Imagem: Matthew Stockman/Getty Images

Ag. Fight

16/02/2017 08h00

 

Veterano no Ultimate, Iuri ‘Marajó’ já subiu ao octógono da organização em 13 oportunidades desde que estreou pela companhia, o que aconteceu em agosto de 2011. Ele é o atual décimo quinto colocado no ranking da categoria peso-galo (61 kg), e, após alternar vitórias e derrotas em suas apresentações mais recentes, enfrentará Luke Sanders no UFC 209, agendado para o próximo dia 4 de março. Mas para poder se manter no card do evento e enfrentar o americano, o brasileiro revelou ter que fazer alguns sacrifícios.

Atualmente com 36 anos, Marajó apontou que a falta de patrocínios faz com que ele mesmo tenha que arcar com parte dos custos de seu treinamento para o próximo duelo. E a razão para isso, de acordo com o atleta, é a crise econômica enfrentada pelo Brasil - o que, na sua opinião, fez com que muitas companhias deixassem de investir no MMA. No entanto, ele, que optou por se preparar na Jackson Wink, renomada academia nos Estados Unidos, driblou a situação e garantiu enxergar o sacrifício financeiro como investimento pessoal.

“Sem dúvida a crise atrapalha, porque os patrocinadores ficam com menos recursos para investir. Mas estou fazendo o camp para essa luta no Greg Jackson, pois sinto que aqui tive bons resultados e evolui bastante. Infelizmente, ainda preciso tirar parte dos custos do meu bolso, pois a crise continua atrapalhando os patrocínios. Mas tenho certeza que isso não é despesa, mas investimento, e o retorno virá na luta”, apontou em conversa exclusiva com a reportagem da Ag. Fight.

E para que o investimento em sua preparação valha a pena, ele terá que bater Luke Sounders, adversário bem menos experimentado no MMA e que nem sequer figura no ranking da divisão. Para aumentar ainda mais a pressão sobre o duelo, Marajó será o único brasileiro que competirá no evento - o que, naturalmente, faz com que os holofotes do esporte no Brasil estejam voltados para ele. No entanto, Iuri garantiu que usará a responsabilidade como motivação contra o americano.

“Apesar dele vir de uma vitória por finalização contra o Blanco, pelas lutas anteriores dele dá para ver que é um cara da trocação. Então, acho que o jogo dele é excelente para mim, pois, apesar de ter faixa preta no jiu-jitsu, gosto mesmo é de lutar em cima. Eu encaro com tranquilidade essa responsabilidade. Sei que nosso país tem muitos torcedores apaixonados pelo MMA e que não gostam de ver os lutadores brasileiros perdendo, mas não deixo isso se tornar um peso. Pelo contrário: me motiva ainda mais para dar um bom show e sair com a vitória”, afirmou.

E a confiança de Marajó não se resume apenas ao próximo combate. Apesar da idade avançada e da inconstância de resultados desde que chegou ao Ultimate, o brasileiro garantiu que ainda sonha em disputar o cinturão de sua divisão e revelou que essa é a motivação para seguir no esporte. Para completar, ele ainda revelou o desejo de enfrentar o campeão de sua categoria.

“O dia em que eu não sonhar mais com o cinturão, peço as contas do UFC. Ainda espero lutar pelo título. Mas não deixo isso virar uma fixação: sempre penso na próxima luta, no meu próximo adversário. E sei que, ganhando e me apresentando bem, a oportunidade de lutar pelo cinturão vai acabar aparecendo naturalmente.  Como eu disse anteriormente, meu negócio é lutar, independentemente de quem for meu adversário. Mas, se tiver que escolher alguém, não escolheria um nome específico, mas sim o cara que estiver com o cinturão”, encerrou.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo