Esporte

Amizade acima de tudo! Thompson celebra mudança de categoria de St-Pierre

AP Photo/Julio Cortez
Imagem: AP Photo/Julio Cortez

Ag. Fight

02/03/2017 05h00

 

Escalado para fazer o combate principal o UFC 209 neste sábado (4), em Las Vegas (EUA), Stephen Thompson se viu em situação delicada nos últimos dias. Embora prestes a enfrentar Tyron Woodley, o americano especialista em kickboxing viu o nome de seu amigo Georges St-Pierre quase cruzar o seu caminho. Cenário que não passou de um susto.

Depois de anos de treinamento juntos interrompidos após a aposentadoria do canadense em 2013, Thompson foi apontado como um dos prováveis adversários para o retorno de GSP ao octógono. No entanto, o ex-campeão dos meio-médios (77 kg) optou por subir de categoria e disputar o título dos médios (84 kg), o que livrou o amigo de uma situação delicada.

“Sim . Ele foi minha inspiração nas artes marciais, passei muito tempo em Montreal olhando ele em alguns de seus camps. Tenho uma boa relação com ele. GSP é o melhor peso meio-médio de todos os tempos, está tentando coisas novas e estou ansioso para vê-lo de volta a ação”, narrou em conversa com jornalistas durante o treino aberto do UFC 209, realizado na última quarta-feira (1º).

Depois de uma breve demonstração de suas habilidades para os fãs presentes no ginásio T-Mobile Arena, em Las Vegas (EUA), Thompson voltou a analisar seu futuro próximo. Diante de Woodley, o americano fará a revanche do duelo que em novembro passado, em Nova York, terminou empatado. E para o reencontro o clima entre eles já não parece tão amistoso.

“Ele andou falando nas redes sociais, mas espero que ele esteja focado no sábado. Quero enfrentar o melhor, acho que ele deveria focar na luta. Algumas pessoas são assim, precisam atingir seus oponentes e não os respeitar. Eu estou aqui para lutar, apenas isso”, garantiu, prometendo estar pronto para ser o novo campeão.

“Isso deve mudar . Existe muita responsabilidade envolvendo ser o campeão, meu plano é ficar mais tempo na minha cidade, e se puder permanecer mais tempo eu irei.  Com certeza ele tem uma boa mão direita. Falam que não dá para vê-lo. Ele é rápido, tem explosão e tem um bom tempo de golpe. Sei o que preciso fazer, procurar ângulos, cuidar do meu trabalho de pés e ficar de olho nas quedas dele”

 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo