Esporte

Golpe ilegal deixa luta entre 'vítimas de McGregor' sem vencedor; entenda

Ag. Fight

13/05/2017 22h59

Na última luta do card preliminar do UFC 211, evento realizado neste sábado (13) na cidade de Dallas (EUA), Eddie Alvarez e Dustin Poirier travaram um clássico entre vítimas de Conor McGregor no octógono. E em um confronto de estilos interessante, não houve atleta que levasse a melhor após na interpretação dos árbitros.

O primeiro round da luta foi marcado por muito estudo e paciência dos atletas, que trocaram golpes fortes em momentos cruciais da disputa. Isso porquê a diferença de envergadura e de estilos tornava o duelo praticamente imprevisível. Na longa distância, Poirier sobrava e conectava golpes limpos de encontro. Já na curta, era a vez do ex-campeão ter vantagem, em ritmo que tornou os cinco primeiros minutos tensos.

Já no segundo assalto, um direto de Poirier balançou Alvarez e deu início a uma avalanche de golpes que por muito pouco não terminou a disputa. No entanto, o ex-campeão resistiu como pôde, devolveu o quase knockdown com um cruzado e, ao defender uma queda, se viu em posição de superioridade.

Por cima e com o oponente com três apoios no chão, Eddie aplicou joelhadas na cabeça até que, durante a movimentação, o jovem de 28 anos colocou a outra mão no tablado e tornou o golpe seguinte ilegal. Desta forma, a luta foi interrompida e o árbitro Herb Dean decretou um ‘No Contest’, ou seja, duelo sem vencedor, por interpretar que a joelhada ilegal não foi intencional.

Luta incrível que também contou com um momento curioso de ‘fair play’. Ao ver o rival ser vaiado pela torcida, Poirier tomou o microfone e deu uma bronca na torcida pedindo respeito ao “guerreiro” com quem dividia o octógono.

Má fase

Ex-melhor peso-palha (52 kg) do mundo quando a categoria ainda não existia no UFC, a veterana Jessica Aguilar sofreu mais uma baixa em sua caminhada no evento e mostrou que já não é mais aquela lutadora que assombrava as adversárias ao redor do mundo. Aos 35 anos, a mexicana naturalizada americana sentiu o peso dos quase dois anos parada e foi superada de forma contundente pela rival Cortney Casey.

Menor, Jessica partiu para o jogo de quedas para evitar os 10 cm a favor da oponente. No entanto, a veterana não tirou proveito e não conseguiu posições de superioridade no chão, se tornando alvos de potentes pedaladas e chutes no joelho. Em pé, Casey sobrou e puniu com sequências de jabs, diretos e cruzados ao longo dos três rounds, o que lhe garantiu fácil vitória por decisão unânime nas papeletas dos jurados.

‘Guerra Latina’

O duelo entre o peruano Enrique Barzola e o mexicano Gabriel Benítez levantou o público no ginásio. Dispostos a provarem que o sucesso apresentado em suas respectivas edições do TUF Latino não foi por acaso, os atletas sobraram no quesito raça e alternaram momentos de emoção tanto em pé como no chão.

Especialista em luta-livre, Barzola optou por minimizar a diferença de envergadura a favor do adversário com precisas quedas, que pela altura e amplitude do movimento sempre garantiam um barulho que levava o público ao delírio. No entanto, em pé, principalmente na longa distância, a vantagem era sempre de Benítez, que com diretos de encontro de esquerda chegou a conquistar um knockdown.

Mesmo assim, a vantagem conquistada na luta agarrada foi o suficiente para garantir o triunfo por decisão unânime dos jurados a favor do atleta peruano com um triplo 29 x 28.

Confira os resultados do card preliminar do UFC 211:

A luta entre Eddie Alvarez e Dustin Poirier terminou em ‘No Contest’
Jason Knight nocauteou Chas Skelly no 3º round;
Chase Sherman nocauteou Rashad Coulter no 2º round;
James Vick nocauteou Marco Polo Reyes no 1º round;
Cortney Casey venceu Jessica Aguilar por decisão unânime;
Enrique Barzola venceu Gabriel Benítez por decisão unânime;
Gadzhimurad Antigulov finalizou Joachim Christensen no 1º round.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo