Topo

Esporte

Joanna Jedrzejczyk chora ao lembrar que treinador deixaria sua equipe

Ag. Fight

14/05/2017 06h00

Joanna Jedrzejczyk não segurou o choro após lembrar de saída de treinador – Youtube

A vitória por pontos sobre Jéssica ‘Bate-Estaca’ garantiu importante recorde para Joanna Jedrzejczyk. No entanto, nem mesmo a vitória tão dominante foi capaz de garantir festa total para a atleta polonesa, que caiu no choro durante coletiva de imprensa após o UFC 211, no último sábado (13).

Depois de responder calmamente aos jornalistas sobre a luta, Joanna foi questionada a respeito de sua radical mudança nos últimos meses, que incluiu a ida aos EUA, uma nova academia, treinadores e até mesmo empresário. Tudo isso, como ela garantiu, sempre em busca de sua evolução profissional.

“Deixei minha academia na Polônia. Tinha muitos treinadores bons,nós vencemos o cinturão do UFC juntos. Sempre olho e busco por coisas e pessoas boas, inclusive nos negócios”, afirmou se referindo à nova estrutura com a qual trabalha a menos de um ano.

Tempo este que foi suficiente para criar importantes laços de amizade, como ela deixou transparecer ter com o treinador Kami Barzini, iraniano responsável por comandar o planejamento de wrestling na academia America Top Team. Ele, no entanto, deixou o time como planejado, logo apos o fim do UFC 211.

“Ele é incrível. Não sei, não quero falar sobre isso…”, disse em prantos em sua última frase antes de deixar a sala usando o boné para cobrir as lágrimas.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte