Esporte

Dillashaw duvida de lesão de Cody e dispara contra DJ: "Medo de perder"

Ag. Fight

14/06/2017 12h18

 

TJ Dillashaw se encontra em uma situação nada confortável neste momento. Ranqueado como número dois da divisão dos galos (61 kg), o americano enfrentaria o campeão Cody Garbrandt no meio deste ano, mas o rival acabou se lesionando e ele ficou sem adversário. Mas será que a lesão do atual dono da categoria é realmente grave?

Para TJ isso não parece ser verdade. Em entrevista ao podcast ‘Fight Society’, o ex-campeão colocou em xeque a real gravidade da contusão nas costas que Cody alega para não poder enfrentá-lo. E o argumento do americano é embasado em um vídeo que circulou nas redes sociais do dono do cinturão brincando de praticar wrestling com um parceiro de treinos (veja aqui).

“Acredite em mim, eu quero lutar com o Cody, mas ele está machucado, creio que você possa dizer. É apenas um fato que eu o vi bêbado e lutando com seus camaradas enquanto suas costas supostamente estavam em recuperação. Tiveram alguns posts que eu fui tageado ou me enviado quando acordei de manhã dele bêbado com amigos e praticando wrestling com o Danny Castillo. É meio louco isso”, afirmou TJ Dillashaw.

“Se isso o machucou até para caminhar e você não pode lutar pelo cinturão, então você provavelmente deveria estar fazendo alguma recuperação”, completou.

Sem a chance de lutar pelo cinturão dos galos, foi ventilada a possibilidade de TJ Dillashaw baixar para os moscas (57 kg) e encarar o campeão Demetrious Johnson. Acontece que ‘DC’ vem batendo o pé para que seu oponente seja outro e alguém que, minimamente, já tenha lutado alguma vez na sua divisão. Essa postura também irritou o atleta de 31 anos.

“Ele não quer lutar comigo porque está com medo de perder o cinturão. Eu respeito o Demetrious Johnson como pessoa, eu gosto dele, gosto da mulher dele. Mas ele agindo dessa forma e rejeitando a luta faz ele manchar a sua carreira e reputação aos meus olhos”, garantiu.

Com essa indefinição, TJ Dillashaw vai acumulando um longo período longe dos octógonos. O americano não luta desde dezembro de 2016, quando venceu John Lineker por decisão unânime no UFC 207.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo