Topo

Esporte

USADA pega leve e aplica pena branda em lutador reincidente no doping

Ag. Fight

21/06/2017 16h13

Sullivan foi flagrado em mais um exame antidoping – Reprodução/UFC

A USADA definitivamente mudou a rotina dos atletas de MMA. Com ampla lista de substâncias proibidas, a entidade, que é responsável pelos exames antidoping no UFC, passou a flagrar lutadores de forma consistente com exames surpresas. E já há casos de competidores reincidentes.

O americano George Sullivan foi flagrado pela segunda vez em um teste justamente no período em que cumpria a suspensão pelo resultado do primeiro exame. Mas,para sua sorte, a USADA ‘aliviou’ na hora de puni-lo.

Se no primeiro exame positivo Sullivan foi punido com um ano de gancho, o segundo flagra,que poderia lhe custar até dois anos fora dos octógonos, também garantiu 12 meses de punição graças à argumentação de seus advogados.

De acordo com a defesa do meio-médio (77 kg), a substância clomifeno foi resultado de um remédio indicado por um médico para doses terapêuticas.Desta forma, o “novo período de um ano de gancho” vale a partir da coleta do último teste. Ou seja, o lutador poderá voltar à ação apenas no dia 13 de janeiro de 2018.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte