Topo

MMA

Hendricks culpa febre por reincidência em não bater peso no UFC

Christian Petersen/Getty Images
Johny Hendricks é ex-campeão meio-médio (77 kg) do Ultimate Imagem: Christian Petersen/Getty Images

Ag. Fight

30/06/2017 06h00

Ex-campeão meio-médio (77 kg) do UFC, Johny Hendricks viu seus problemas com a balança o guiarem até a categoria dos médios (84 kg), já que, pelo menos a princípio, os sete quilos a mais de tolerância lhe permitiriam atingir o peso com maior facilidade. Contudo, bastou chegar o momento de sua segunda luta na nova divisão para que o antigo contratempo voltasse a atormentá-lo. E, sabendo que o seu futuro no Ultimate pode estar por um fio, o barbudo culpou uma febre como a responsável por ter falhado novamente.

Em entrevista ao podcast ‘Submission Radio’, Hendricks indicou que tudo corria bem em sua preparação até a semana que antecedeu a disputa. De acordo com o americano, foi justamente na hora de iniciar o processo de corte de peso que a doença o atacou. E, na tentativa de se curar o quanto antes e estar saudável para a disputa, o peso-médio revelou ter ingerido uma alta quantidade de líquidos – o que, naturalmente, teria atrapalhado no momento de subir à balança.

"Quarta-feira algo aconteceu e eu comecei a sentir febre. Quinta-feira, sexta-feira, e eu estava sentado lá dizendo : ‘Oh, meu Deus’. É engraçado porque eu amo fãs, mas acho que eles são as pessoas mais mal informadas, e a razão para dizer isso é porque se vocês estão sentindo doentes, o que vocês fazem? Se você está doente, o que você faz? Você pode tirar um dia de folga", constatou o barbudo.

"Minha família ficou doente por três semanas antes da luta e eu ri porque não entendi. Eu estava muito animado. Impressionante, nada está acontecendo. Até começar a cortar peso. Eu apareci e acho que eu tinha seis quilos  e bebi quatro litros de fluidos naquele dia. Nesse ponto, você não está lutando só com o peso, mas também com o seu corpo. É apenas uma merda porque 84 quilos não é tão difícil de fazer, mas sempre que você está doente, é", concluiu.

Um dos aspectos que chamaram a atenção em sua nova falha foi o discurso feito por Hendricks logo após sua estreia na divisão dos médios. Assim que venceu sua luta contra Hector Lombard, em fevereiro deste ano, o barbudo afirmou que aquele havia sido o processo de perda de peso mais fácil de sua carreira. O que, pelo menos a princípio, dá indícios de que algum problema excepcional pode ter o atrapalhado dessa vez.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!