MMA

Jon Jones nega vício, mas alerta: "Ninguém me pediu para ser santo"

AP/John Locher
Jon Jones tenta voltar ao octógono após suspensão por doping Imagem: AP/John Locher

Ag. Fight

13/07/2017 16h13

O enorme sucesso de Jon Jones dentro dos octógonos é quase que comparável ao número gigante de polêmicas que ele já se envolveu longe das grades do Ultimate. Dono de uma personalidade forte, o ex-campeão dos meio-pesados (93 kg) já causou um acidente automobilístico onde feriu uma mulher grávida, foi afastado por doping de substâncias ilegais e chegou até a admitir o uso de cocaína. Mas será que Jones se arrepende de todos esses itens?

Bom, pelo menos um deles parece que não. Em uma entrevista extremamente franca ao site ‘Bleacher Report’, o americano abriu seu coração principalmente para um tema específico: as drogas. Jon Jones, que no passado admitiu fazer uso de maconha e cocaína desde a sua época de faculdade, dessa vez resolveu revelar que já conviveu com outros atletas de alto nível que também são adeptos de substâncias proibidas.

“Até quando eu estou usando cocaína antes de uma luta, eu não estou sendo um cara mau. Isso sou eu causando – você sabe, em uma festa. A verdade sobre o fato é que vocês ficariam surpresos em quantas pessoas fazem uso da coca. Estive por perto de alguns dos melhores atletas do país. Atletas com nomes muito maiores que o meu e usando coca. Mas as pessoas não falam sobre isso”, afirmou Jones.

O americano também fez questão de defender o fato de drogas recreativas não terem o papel de prejudicar outras pessoas – a não ser aqueles que as consomem. Portanto, Jones deixou no ar a ideia de que consumi-las é algo que ele ainda realiza em suas horas vagas.

“Eu simplesmente gosto de ter meus momentos bons, cara. Se você pode se dar ao luxo de fumar um pouco de maconha e usar um pouco de cocaína e ainda ganhar títulos mundiais, quem vai dizer para você que você não pode? Eu entendo que essas coisas são ilegais. E uma vez que você é pego fazendo isso, é humilhante. Mas ao mesmo tempo, eu não sou viciado ou qualquer coisa assim. Você não me vê andando por aí fumando um monte de maconha e com os dentes apodrecidos”, disse.

Em seguida, o ex-campeão tentou separar o atleta da pessoa Jon Jones. Amadurecido e com 29 anos, o lutador parece não ligar mais para o que as pessoas pensam dele como ser humano, garantiu não ser viciado e revelou estar focado no legado que deixará como profissional de MMA.

“Isso é exatamente onde estou agora na minha carreira. Se você quer me amar por alguma razão, então vá em frente e eu vou tentar ser alguém que será lembrado por muito tempo porque ganhava lutas. Eu gostaria de causar um impacto positivo nas pessoas, de um jeito ou de outro. Eu não quero ser esse cara mau. Mas no fim das contas, eu não vou fugir do meu jeito para ser a Madre Teresa. Ninguém me pediu para ser santo”, sentenciou.

Jon Jones voltará ao octógono no dia 29 de julho, quando terá pela frente Daniel Cormier, atual campeão dos meio-pesados. A revanche valerá o título da categoria. Na primeira luta, Jones levou a melhor por decisão unânime.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Redação
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
EFE
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Redação
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Topo