Topo

MMA

Final surpreendente: lutador desmaia, se recupera e vence por nocaute

Ag. Fight

20/07/2017 12h18

As polêmicas sobre árbitros de MMA que interrompem combates antes da hora são recorrentes no esporte, e o caso recente de maior destaque aconteceu quando o brasileiro Mario Yamasaki optou por encerrar a luta entre Michael Chiesa e Kevin Lee e declarar o segundo deles como vencedor por finalização. E alimentando a tese de que as vezes é melhor aguardar alguns segundos a mais antes de tomar uma decisão definitiva, um lutador turco deu amostras de que é possível se recuperar de uma guilhotina mesmo após estar apagado e ainda sim nocautear seu adversário.

A reviravolta aconteceu no ACB 64, evento turco de MMA realizado na cidade de Antalya na noite da última quarta-feira (19), quando Nashko Galaev praticamente ‘ressuscitou’ após ser estrangulado em uma guilhotina aplicada por Denis Mutsnek. Os braços do atleta chegaram inclusive a ficar moles, o que quase induziu o árbitro a encerrar a luta, mas em fração de segundos eles reagiu e não demorou até escapar da finalização.

E foi justamente no momento em que o combate voltou em pé que a luta ganhou ares de dramaturgia. Isso porque, após ver a vitória escorrendo por suas mãos enquanto Mutsnek apertava o seu pescoço, Galaev estava disposto a surpreender e para isso aplicou um potente joelhada no rosto de seu adversário durante a metade do segundo round. E o resultado: um nocaute arrasador.