Esporte

Sob vaias e dominado, Demian perde chance de cinturão em repeteco de noite contra Spider

Ag. Fight

30/07/2017 01h23

O co main event do UFC 214, evento realizado neste sábado (29) na cidade de Anaheim (EUA),colocou dois lutadores com estilos e características bem diferentes. E, como estilos fazem lutas, a soma dos fatores garantiu um casamento complicado para o brasileiro, que ao longo dos cinco assaltos foi completamente anulado pelo rival, que lá pelas tantas também desistiu de dar show para a plateia. Resultado: Muitas vaias!

Guardada as devidas proporções, a noite fez lembrar a primeira chance de uma disputa de cinturão do UFC do atleta brasileiro. Diante de Anderson Silva, ainda como peso-médio (84 kg) em 2010, o especialista andou para frente, tentou derrubar, foi anulado e constantemente vaiado pela plateia. Uma nova mancha negativa na carreira do atleta de 39 anos.

Mais alto e dono de um boxe baseado em golpes em linha da longa distância, Demian usou sua maior arma que consiste em mergulhar no single leg no primeiro momento de aproximação do adversário para levar a luta para o chão e trabalhar seu afiado jiu-jitsu. Acontece que do outro lado do cage estava um wrestler superior, menor (centro de gravidade baixo) e com poder de nocaute nas mãos. Ou seja, as chances eram poucas e a tática tinha que ser executada com exatidão.

Logo nas primeiras duas entradas em queda no round inicial, contragolpes precisos marcaram o rosto do brasileiro, que com o olho fechado chegou a balançar em sinal de desequilíbrio, o que diminuiu seu ritmo e tornou a tarefa de defender seus ataques mais fácil para o americano.

Na etapa seguinte, seguidas tentativas de quedas foram defendidas e respondidas com cruzados que levaram o brasileiro a knock down em uma disputa que já ganhava sinais dramáticos à essa altura, principalmente pelo estilo do rival, que sobrava em força física dando a impressão de que o desfecho do duelo já estava desenhado.

Irônico, Woodley passou a balançar as mãos antes de picar golpes a partir do terceiro assalto o que, somado à sua queda de rendimento, garantiu vaias da plateia que se irritou com a luta que começou a dever em emoção à medida que os protagonistas passaram a economizar energia e buscar apenas ataques precisos.

Nos dois últimos assaltos, sob vaias ensurdecedoras, a luta praticamente não aconteceu. Enquanto o campeão se limitou a fazer o necessário para garantir a vitória por pontos, Demian, já esgotado pelo curto camp de apenas cinco semanas de treino, andava para frente e pouco conseguia fazer. Nesse meio tempo a plateia ensaiou até mesmo uma ola para provocar os lutadores, além de coordenados gritos de “This is boring!” (Isso é entediante). Ao final dos cinco assaltos, vitórias por decisão unânime de Woodley, que mantém o cinturão dos meio-médios (77 kg) e se credencia para enfrentar Georges St-Pierre em novembro.

Acompanhe os resultados do UFC 214:

Tyron Woodley venceu Demian Maia por decisão unânime;
Cris ‘Cyborg’ nocauteou Tonya Evinger no 3º round;
Robbie Lawler venceu Donald Cerrone por decisão unânime;
Volkan Oezdemir nocauteou Jimi Manuwa no 1º round;
Ricardo Lamas nocauteou Jason Knight no 1º round;
Aljamain Sterling venceu Renan ‘Barão’ por decisão unânime;
Brian Ortega finalizou Renato ‘Moicano’ no 3º round;
Calvin Kattar venceu Andre Fili por decisão unânime;
Alexandra Albu venceu Kailin Curran por decisão unânime;
Jarred Brooks venceu Eric Shelton por decisão dividida;
Drew Dober nocauteou Josh Burkman no 1º round.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo